Arena Corinthians acerta troca de banco público para agilizar empréstimo

Arena Corinthians acerta troca de banco público para agilizar empréstimo

4.1 mil visualizações 24 comentários Comunicar erro

Frederico Barbosa, da Odebrecht, fala com Alckmin e Haddad durante visita à Itaquera

Frederico Barbosa, da Odebrecht, fala com Alckmin e Haddad durante visita à Itaquera

Foto: Reprodução/Twitter

Corinthians e Odebrecht estão muito próximos de finalizar uma ação para destravar o financiamento do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) para a Arena do Timão.

A Folha apurou que a negociação entre clube, empreiteira e Caixa está próxima de ser fechada. Procurado, o banco informou que não comentaria --a Caixa patrocina o futebol do Corinthians.

Alguns fatores são decisivos para a troca de banco repassador dos R$ 400 milhões, que vai bancar quase metade do valor da obra (orçada em R$ 820 milhões).

Ao contrário do BB, a Caixa não tem ações no mercado financeiro, não possui acionistas minoritários e, principalmente, não tem regras que a impeçam de realizar financiamentos a clubes.

A expectativa de quem participa das negociações é que o empréstimo seja liberado nos próximos dias.

O estádio vai abrir a Copa do Mundo em 12 de junho de 2014, em São Paulo.

A negociação arrasta há meses e chegou até a colocar em xeque a realização da partida inaugural no local. Andres Sanchez, ex-presidente do Corinthians e homem designado pelo clube para cuidar da obra, disse que a construção poderia ser paralisada sem o financiamento.

O BNDES já liberou o dinheiro, mas exige um banco repassador porque não pode emprestar dinheiro a um clube de futebol (o Corinthians faz parte do fundo imobiliário que vai gerir a arena).

Porém, um impasse entre o Banco do Brasil e o fundo sobre garantia financeira que assegure o pagamento dos R$ 400 milhões travou o acerto.

A empreiteira propôs um tipo de garantia que não foi aceito pelo BB. De acordo com essa oferta, o patrimônio da empresa não poderia ser usado como garantia.

"O empréstimo do BNDES está baixando para desfecho favorável, os detalhes para a liberação estão em fase final", disse o ministro do Esporte, Aldo Rebelo. Ele visitou ontem o estádio ao lado do prefeito da capital paulista, Fernando Haddad (PT), e do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB).

Veja Mais:

  • Clayson, assim como Felipe Melo, foi punido pelo TJD nesta segunda-feira

    Corinthiano Clayson leva gancho de quatro jogos por confusão com Felipe Melo, do Palmeiras

    ver detalhes
  • Juiz voltou atrás após marcar pênalti de Ralf, que tocou só bola

    Tribunal arquiva inquérito que apurava possível interferência externa em Corinthians x Palmeiras

    ver detalhes
  • Lateral-esquerdo Carlos foi convocado para a Seleção Brasileira Sub-20

    Lateral do Corinthians é convocado para treinos com a Seleção Brasileira Sub-20

    ver detalhes
  • O atacante Emerson Sheik voltou a campo no CT Joaquim Grava nesta segunda-feira

    Com retorno de Sheik, Corinthians se reapresenta no CT após goleada no Brasileirão

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes