Ministério do Esporte entra na briga para adequar calendário do futebol ao europeu

Ministério do Esporte entra na briga para adequar calendário do futebol ao europeu

Roberto de Andrade, diretor do Corinthians, apresenta vídeos de outros jogos da Libertadores

Roberto de Andrade, diretor do Corinthians, apresenta vídeos de outros jogos da Libertadores

Foto: Gazeta Press

Brasília, DF, 23 (AFI) - O Ministério do Esporte vai entrar na briga para adequar o calendário do futebol brasileiro ao europeu. Segundo o jornal Folha de S. Paulo, a pasta planeja fazer a mudança o mais rápido possível para que as competições sejam disputadas entre agosto e maio.

Apesar da deia ser discutida há algum tempo, ainda não existe um consenso entre clubes, federações e CBF. As três partes ainda não chegaram a um acordo quanto ao formato proposto. Até porque os estaduais devem chegar ao final.

Apesar da pressa do governo, a CBF é completamente contra a esta ideia. A entidade não quer, em hipótese alguma, uma adaptação ao calendário, mesmo que seja bons para os clubes, que poderão excursionar, e para os atletas que terão mais em pré-temporada.

A mudança, entretanto, será deixada em segundo plano, pois a prioridade dos clubes com o Ministério do Esporte é o pacote de mudanças do perdão da dívida fiscal dos clubes.

Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • Campeonato Brasileiro agora tem quatro, e não três, vagas à fase de grupos da Libertadores

    Conmebol anuncia novidade, e Corinthians volta ao páreo por vaga direta na Libertadores

    ver detalhes
  • Alan Santos tem conversas avançadas com Corinthians

    Corinthians negocia contratação de volante do Coritiba, diz portal

    ver detalhes
  • Giovanni Augusto treinou como lateral nesta terça-feira

    Giovanni na lateral, mudança na zaga e susto de Rildo: o treino desta terça do Corinthians

    ver detalhes
  • Corinthians encara o Cruzeiro neste domingo, no Mineirão

    Resultado no Mineirão vale mais que os três pontos para Corinthians e Cruzeiro; entenda

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes
  • Melhor comentário

    Foto do perfil de Luiz

    Ranking: 2720º

    Luiz 206 comentários

    por @luiz.chiamenti

    A solução não é mudar o calendário. A solução é terminar ou diminuir bastante o tempo dos estaduais! Sobraria muito tempo para pré-temporada, e os times teriam tempo para excursionar. A Europa tem esse tipo de calendário devido ao seu clima, pois os últimos e os primeiros meses do ano são muito frios, e prejudiciais aos atletas. Nosso clima é diferente.

  • Últimos comentários

    Foto do perfil de Eduardo

    Ranking: 31º

    Eduardo 8664 comentários

    20º. por @eduardoalves

    A solução do problema é o fim dos Estaduais, ou os times grandes entrarem já nas semi.

  • Foto do perfil de Nelson

    Ranking: 757º

    Nelson 724 comentários

    19º. por @nelson.ferreira.juni

    Também me faço esta mesma pergunta... Não dá pra entender como uma "entidade" fazer questão de ir contra o interesse da sua própria "classe"? Os únicos beneficiários desta mudança do calendário é o próprio futebol brasileiro e a CBF é contra, é inacreditável.

    Foto do perfil de Jose

    Jose 748 comentários

    24/04/2013 às 08h56 por @stormnuken

    Interessante a parte que diz "a CBF é completamente contra a esta ideia. A entidade não quer, em hipótese alguma, uma adaptação ao calendário, mesmo que seja bons para os clubes, que poderão excursionar, e para os atletas que terão mais em pré-temporada." Daí a gente percebe onde está o grande problema do futebol brasileiro. Se é bom para clubes e atletas, porque não fazer?

  • Foto do perfil de Jose

    Ranking: 724º

    Jose 748 comentários

    18º. por @stormnuken

    Interessante a parte que diz "a CBF é completamente contra a esta ideia. A entidade não quer, em hipótese alguma, uma adaptação ao calendário, mesmo que seja bons para os clubes, que poderão excursionar, e para os atletas que terão mais em pré-temporada." Daí a gente percebe onde está o grande problema do futebol brasileiro. Se é bom para clubes e atletas, porque não fazer?

  • Foto do perfil de Guilherme

    Ranking: 1787º

    Guilherme 329 comentários

    17º. por @guirochaaaa

    Estadual somente um turno, um jogo, quatro grupos, 4 semifinalistas pronto. Da para fazer um campeonato com no máximo 10 jogos. FIKDIK

  • Foto do perfil de Wilenilton

    Ranking: 6020º

    Wilenilton 70 comentários

    16º. por @willybrown

    A solução dessa varzea de campeonato paulista seria essa
    20 clubes
    -4 grupos de 5 times
    -turno e returno em cada grupo (10 rodadas, sendo que todos os times vão folgar 2 rodadas)
    -o último colocado de cada grupo é rebaixado
    -Os dois primeiros de cada grupo se classificam para o mata-mata
    No mata-mata:
    -o melhor 1º colocado enfrenta o pior 2º colocado e assim por adiante
    -a vantagem de se classificar em 1º no grupo é que pode escolher se quer jogar o segundo jogo em casa ou fora
    - jogos ida e volta
    -gols fora de casa valem mais

    E ae, o que acham?

  • Foto do perfil de Gustavo

    Ranking: 2054º

    Gustavo 286 comentários

    15º. por @gustavo1907

    Verdade Luiz. Os Estaduais poderiam ser realizados por meio de torneio ao invés de campeonato, assim duraria a metade do tempo.

    Foto do perfil de Luiz

    Luiz 206 comentários

    23/04/2013 às 21h30 por @luiz.chiamenti

    A solução não é mudar o calendário. A solução é terminar ou diminuir bastante o tempo dos estaduais! Sobraria muito tempo para pré-temporada, e os times teriam tempo para excursionar. A Europa tem esse tipo de calendário devido ao seu clima, pois os últimos e os primeiros meses do ano são muito frios, e prejudiciais aos atletas. Nosso clima é diferente.

  • Foto do perfil de Lucas

    Ranking: 346º

    Lucas 1315 comentários

    14º. por @lucaseduardo

    Em alguns países como na Espanha por exemplo, o campeonato espanhol para lá pelo dia 18 de dezembro, e volta no dia 8 de janeiro +/- e isso, é só uma pausa para o fim de ano...aqui, os jogadores só tem 2 semanas a mais que isso mesmo, eles teriam essa pausa de fim de ano, e mais 2 ou 3 meses de férias entre os meses de junho a setembro (contando que a Libertadores fosse adaptada ao estilo champions league)

    Foto do perfil de Leandro

    Leandro 119 comentários

    23/04/2013 às 21h42 por @leandro.bergamo

    Será que a boleirada aceitaria trocar as férias de verão por um de inverno? Pois lá, um dos fatores do calendário ser esse é justamente o clima.

  • Foto do perfil de Lucas

    Ranking: 346º

    Lucas 1315 comentários

    13º. por @lucaseduardo

    é verdade, os calendários correm assim mesmo, até o calendário escolar...mas aqui no Brasil, quanto ao calor, os meses de setembro à novembro que não são verão, também são muito, muito quente

    Foto do perfil de Jorge

    Jorge 1877 comentários

    23/04/2013 às 22h52 por @dodej

    Os calendários seguem as estações do ano. Verão = férias. Quer ver o rebuliço do pessoal boleiro quando saber que vão ter que jogar futebol numa lua de 40ºC no verão.

  • Foto do perfil de Lucas

    Ranking: 346º

    Lucas 1315 comentários

    12º. por @lucaseduardo

    A mudança no calendário seria muito benéfica aos clubes brasileiros, adequaria as temporadas de transferências quanto ao principal mercado que corre hoje o futebol brasileiro, não teria mais jogadores indo embora no meio do brasileiro, o problema, é que pra isso ser perfeito, a Libertadores, que hoje é tida como a principal competição para os times brasileiros, deveria ser adaptada a isso também, e para isso seria necessário mudar o calendário de todos os países da América do sul

  • Foto do perfil de Bruno

    Ranking: 6301º

    Bruno 65 comentários

    11º. por @bruno.veloso1

    A Europa já está estudando mudar o seu calendário de acordo com o nosso, o problema não é o formato do calendário, e sim o número de jogos...