Nos pênaltis, Corinthians vence mais uma vez o São Paulo e vai para a final

Corinthians Corinthians 0 x 0 São Paulo São Paulo

Paulista 2013

Nos pênaltis, Corinthians vence mais uma vez o São Paulo e vai para a final

Por Meu Timão

Cássio cresceu e defendeu a cobrança de pênalti de Luis Fabiano

Cássio cresceu e defendeu a cobrança de pênalti de Luis Fabiano

O Corinthians entrou em campo contra o São Paulo, nesse domingo, para levar a vaga para a final do Campeonato Paulista e defender a invencibilidade de 10 jogos no Morumbi. Ambos os times vieram para o clássico com retrospecto negativo na Libertadores durante a semana, e precisavam do resultado no Paulista para dar uma resposta às suas torcidas.

O jogo começou melhor pro Corinthians, que cadenciou os primeiros minutos e teve mais posse de bola. Mas já nos primeiros minutos o jogo deu mostras de que seria disputado, e o número de faltas cresceu, elevando a tensão em campo e quebrando o ritmo da partida. Assim, o primeiro tempo acabou com o placar igual e sem gols.

O segundo tempo começou ainda mais truncado, muito faltoso, e o juiz por vezes decidia marcar tudo e em outros momentos deixava o tempo correr - o que não agradou ninguém. No Corinthians, Tite ainda tentou Pato no lugar de Guerrero e Douglas no lugar de Sheik, que saiu amarelado. Mas depois dos 30 minutos ambos os times e o juiz pareciam querer levar os resultados para os pênaltis.

Na decisão, o Corinthians foi com Douglas, Romarinho, Fábio Santos, Alessandro e Pato. Para o São Paulo, Ganso errou e mandou pra fora, no Timão, Alessandro bateu na trave. Cássio defendeu a cobrança de Luis Fabiano e a decisão estava nos pés de Alexandre Pato. Para o sofrimento da Fiel, Rogério - completamente adiantado - defendeu. O juiz mandou voltar a cobrança e Pato não perdoou.

O próximo jogo do Corinthians será contra o Santos, na primeira partida da final, com data e local a serem definidos.

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Imagens da partida

Comente a partida entre Corinthians e São Paulo

  • 1000 caracteres restantes