Tradicional, Seleção do Brasileirão tem zagueiro-artilheiro e salvador da Fiel

Tradicional, Seleção do Brasileirão tem zagueiro-artilheiro e salvador da Fiel

Tradicional, Seleção do Brasileirão tem zagueiro-artilheiro e salvador da Fiel

Tradicional, Seleção do Brasileirão tem zagueiro-artilheiro e salvador da Fiel

A terceira rodada do Brasileirão sacramentou a liderança do São Paulo, mas viu o Vitória e Botafogo apertarem a disputa. A Seleção do Portal Futebol Interior está montada em um dos esquemas táticos mais tradicionais, o 4-4-2. Um dos principais destaques é Éderson, que foi muito bem no empate, por 2 a 2 com o Flamengo.


O time é comendado por Caio Júnior, que vem realizando um bom trabalho no comando do Vitória. Além dele, Dinei, que marcou dois gols, também ganha destaque e junto com Emerson formam a dupla ofensiva.

Confira a Seleção da rodada:

Goleiro - Vanderlei (Coritiba)
Segurar o Goiás, no Serra Dourada, não é uma tarefa fácil. Mas, o Coxa conseguiu um ponto importante em Goiânia e um dos responsáveis foi o goleiro Vanderlei, que fez ótimas defesas, salvando os paranaenses.

Lateral-direito - Madson (Bahia)
Numa das maiores zebras do Brasileirão até o momento, o Bahia venceu o Inter, por 2 a 1, em Caxias do Sul. Todos os jogadores do Tricolor foram bem, mas Madson ajudou muito do lado direito.

Zagueiro - Digão (Foto/Fluminense)
Contrariou a lógico e provou que nem sempre a melhor defesa é o ataque. O melhor ataque também pode ser a defesa. Com uma grande impulsão e precisão com sua cabeça, o zagueirão marcou dois gols e garantiu a vitória tranquila do Tricolor.

Zagueiro - Cleber (Ponte Preta)
Segue sendo um verdadeiro leão na defesa da Ponte Preta. No sábado, na derrota por 1 a 0, ajudou muito a segurar o forte ataque do Corinthians. Principalmente, Alexandre Pato e Guerrero, que buscam de todas as maneiras os gols, já que não marcam há um bom tempo.

Lateral-esquerdo - Richarlysson
Ele é volante de origem, mas foi na lateral-esquerda que ganhou a titularidade no Atlético-MG. Além de agradar o técnico Cuca, ele tem ajudado muito o Galo na Libertadores. Contra o São Paulo, foi importante no sistema defensivo, anulando Osvaldo.

Volante - Ferdinando (Portuguesa)
Foi um verdadeiro guerreiro no meio-campo da Lusa, que por muito pouco não deixou o Estádio dos Aflitos com uma vitória. Ele marcou muito bem e ainda participou diretamente do segundo gol, o da virada, quando cobrou falta de longe e a bola desviou nas pernas do oportunista Romão, que marcou seu primeiro gol com a camisa do rubro-verde.

Meia - Lodeiro (Botafogo)
Se tem um jogador responsável pela vice-liderança conquistada pelo Botafogo na vitória sobre o Cruzeiro por 2 a 1. Este é Lodeiro. O meia foi a principal arma do setor ofensivo do Botafogo e ainda marcou os dois gols sobre a Raposa.

Meia - Hugo (Goiás)
O Goiás não vem bem no Campeonato Brasileiro, mas poderia estar pior se não fosse Hugo. O meia marcou o gol salvador, que arrancou o empate diante do Coritiba, em pleno Serra Dourada. O jogador era ainda o jogador mais lúcido do time no duelo.

Meia - Éderson (Foto/Atlético-PR)
Foi o melhor jogador do Furacão no empate contra o Flamengo. O atacante estava muito ligado e, com jogadas de velocidade, confundiu a marcação do adversário. Além de levar vantagem todas as vezes em que partiu para cima do experiente lateral-direito Léo Moura, Éderson ainda deixou sua marca duas vezes na partida.

Atacante - Dinei (Vitória)
Com atuações abaixo da crítica, saiu pela porta dos fundos no Palmeiras. Sempre foi tachado de jogador brucutu e que ainda fazia poucos gols para um camisa 9. A habilidade continua a ser a última de suas virtudes, mas a gora a bola começou a entrar. Contra o Vasco foram dois gols na vitória por 2 a 0.

Atacante - Emerson (Foto/Corinthians)
Mudou a história do jogo! Quando entrou no segundo tempo, na vaga de Chicão, Tite colocou o time no ataque e foi de Sheik o gol da primeira vitória no Brasileirão. O atacante quer mostrar que é capaz de ser titular do Timão, na disputa com os outros companheiros de elenco.

Técnico - Caio Júnior (Vitória)
Mesmo eliminado da Copa do Brasil, para o Salgueiro, na Arena Fonte Nova, em Salvador, o técnico Caio Júnior tem feito um belo trabalho no Vitória. Nas primeiras rodadas do Brasileirão vem sendo uma das sensações, disputando a liderança com o São Paulo e Botafogo. Se ele continuar no time, a chance do Vitória dar muito trabalho é grande.

Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • Gaviões da Fiel foi a primeira das torcidas a chegar no Pacaembu neste domingo

    Organizadas chegam ao Pacaembu para ato em homenagem à Chapecoense

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes
  • Filha dá resposta sensacional ao pai palmeirense: 'Vai, Corinthians'

    Pai força garotinha a cantar música do Palmeiras, e ela surpreende com um 'Vai, Corinthians!'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes