Após briga com dirigente, Cleber, da Ponte, deve ir para futebol europeu

Após briga com dirigente, Cleber, da Ponte, deve ir para futebol europeu

4.2 mil visualizações 32 comentários Comunicar erro

Após briga com dirigente, Cleber, da Ponte, deve ir para futebol europeu

Após briga com dirigente, Cleber, da Ponte, deve ir para futebol europeu

A partida contra o Botafogo no último sábado foi a última do zagueiro Cléber com a camisa da Ponte Preta. A Macaca recebeu, nesta quarta-feira, uma proposta de quatro milhões de euros (cerca de nove milhões de reais) do Basel, da Suíça, para contratar o jogador e a resposta deve ser dada nesta quinta-feira.

A Ponte Preta aceitou a oferta e repassou para o jogador. Cleber ficou de passar a resposta para os dirigentes até a próxima sexta-feira. A oferta do clube suíço é para contar com o jogador pelos próximos cinco anos. Se ele recusar, continuará no elenco para o restante do Brasileirão

A negociação deve frustrar os planos do Corinthians de contar com o jogador no segundo semestre. Dirigentes do Timão haviam confirmado o interesse em contratar Cléber. Houve, inclusive, pressão do staff do jogador para que ocorresse a liberação.

Relutante, a Ponte Preta anunciou que só liberaria Cléber se a multa rescisória de oito milhões para o mercado interno e 16 milhões para o mercado interno. Mas parece que a palavra dos homens do futebol da Macaca só valeram para os times brasileiros, pois ele será vendido por pouco mais da metade do valor da multa.

Vingança...
Apesar de ser capitão do time e um dos ídolos da torcida, Cléber deve aceitar a proposta. Ele está insatisfeito com os dirigentes da Macaca. Ocimar Bolicenho é o principal alvo da ira do zagueiro. O zagueiro acusa o executivo de futebol de má fé por aumentar a multa rescisória num acordo obscuro e afugentar outros clubes.

Em dezembro, o dirigente o chamou para uma conversa e disse que ia aumentar o seu salário de R$ 20 mil para R$ 25 mil. Cléber assinou o papel e dias depois descobriu que sua multa rescisória tinha subido de R$ 3 milhões para R$ 8 milhões, o que afugentou o Palmeiras - que estava muito interessado em contratá-lo.

Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • Técnico da equipe colombiana não poupou elogios ao Corinthians

    Técnico do Millonarios se impressiona com Corinthians: 'Um dos favoritos ao título'

    ver detalhes
  • Paulo Roberto deve ser titular diante do Internacional

    Reapresentação do Corinthians indica um único titular contra Internacional; Sheik é ausência

    ver detalhes
  • Rodriguinho jogou amistoso pelo Brasil em junho de 2017, contra Austrália

    Rodriguinho, do Corinthians, compõe lista de suplentes da Seleção para Copa do Mundo

    ver detalhes
  • Estacionamento da Arena possui capacidade para comportar 1,3 mil veículos

    Corinthians supera imbróglio e anuncia nova gestora do estacionamento da Arena

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes