Prefeitura de São Paulo atrasa obras no 'lado B' da Arena Corinthians

Prefeitura de São Paulo atrasa obras no 'lado B' da Arena Corinthians

4.6 mil visualizações 18 comentários Comunicar erro

A Prefeitura de São Paulo deixou à sombra dos holofotes lançados sobre o estádio do Corinthians, palco da abertura da Copa de 2014, pelo menos 20 obras de urbanização na região de Itaquera e Guaianases, na zona leste.

As obras, orçadas em R$ 130 milhões, deveriam ter ficado prontas em 2010.

Agora, depois de procurada pela Folha, a administração municipal afirma que elas serão concluídas em outubro de 2014 --daqui a um ano e cinco meses.

Ao contrário da região onde será o futuro estádio, onde se mantém um ritmo alucinante de trabalhos também em seus arredores e onde em menos de três anos serão entregues o campo e outras cinco intervenções viárias complexas, as outras obras de urbanização ainda nem saíram do papel.

Esse é o caso, por exemplo, do trecho onde deveria ter sido construída um a ligação entre a Nova Radial e a avenida Águia de Haia, perto do shopping Itaquera.

No local onde deveria existir pelo menos um canteiro de obras, ainda há uma grande ocupação irregular, com casas, que nem começou a ser retirada dali.

As mais de 20 intervenções, muitas delas fundamentais para unir os bairros de Itaquera e Guaianases, beneficiarão de forma direta aproximadamente 1,5 milhão de pessoas.

VESTÍGIOS

A Folha visitou os pontos listados no contrato assinado há cinco anos entre empreiteiras e prefeitura. Encontrou apenas dois vestígios de obras.

Em ritmo lento, nas margens do eixo da Radial Leste, uma construtora fazia a passagem subterrânea sob a avenida.

Mais à frente, em Guaianases, foram entregues apenas 300 metros dos mais de mil previstos de canalização do córrego Itaquera Mirim.

LEGADO

"As obras que não saíram do papel são transposições [da radial e do leito ferroviário], canalizações e várias ligações que melhorariam muito a vida das pessoas", afirma o advogado Fábio Pereira, que mora perto do futuro estádio.

Várias delas, por exemplo, aumentariam o fluxo de carros, inclusive na própria Radial Leste.

O advogado diz estranhar bastante quando as autoridades falam em legado da Copa para toda a zona leste.

"O trânsito e o deslocamento das pessoas serão feitos da mesma forma depois da Copa."

Fonte: Folha de São Paulo

Veja Mais:

  • Top fregueses do Corinthians | #43

    SAUDAÇÕES CORINTHIANAS: Os maiores fregueses do Corinthians

    ver detalhes
  • Roger foi apresentado como novo centroavante do Corinthians nesta sexta-feira

    Roger é apresentado no Corinthians e lembra de passado torcedor na cidade de Campinas

    ver detalhes
  • Recém-chegado, Roger participou do treino do Corinthians nesta sexta-feira

    Volta de emprestado, presidente na área e Roger em campo... a sexta-feira do Corinthians

    ver detalhes
  • Sheik não enfrenta Paraná Clube neste domingo

    Sem Roger nem Sheik: Carille relaciona 22 para jogo contra Paraná

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes