Timão não pretende ceder à vontade de Emerson

Timão não pretende ceder à vontade de Emerson

Sheik segue treinando no CT. Decisão deve ser tomada após a Recopa

Sheik segue treinando no CT. Decisão deve ser tomada após a Recopa

Foto: Edilson Dantas/Diário SP

Luciano Trindade
Especial para o DIÁRIO

Apesar da pressão dos agentes de Emerson Sheik, o Corinthians segue irredutível em relação à proposta de renovação de contrato feita para o atacante. O vínculo atual entre as partes terminará em dezembro e o Timão quer estender  o acordo apenas por mais um ano.

'A proposta é nos mesmos moldes da que fizemos para o Danilo, que aceitou', disse ao DIÁRIO o diretor de futebol do Corinthians, Edu Gaspar, citando o acordo firmado pelo meia até agosto de 2014.

O atacante, entretanto, pressiona os cartolas alvinegros. Quer renovar por duas temporadas e encerrar a carreira no Parque São Jorge. Caso contrário, prefere antecipar sua saída.

'Eu sinto que ele está satisfeito no clube e nós também estamos satisfeitos com ele',  completou o diretor adjunto do Timão, Duílio Monteiro Alves.

A diretoria do Alvinegro tem se notabilizado pela frieza na hora de negociar com ídolos recentes. Liedson é um  exemplo. Próximo do fim de seu vínculo, em 2012,  o jogador pediu uma prorrogação por dois anos. O Timão, porém, ofereceu apenas seis meses de extensão. As partes não chegaram a um acordo. O artilheiro, então, acabou se transferindo para o Flamengo naquele ano.

Por coincidência, o Rubro-Negro, novamente, se mostra disposto a tirar um atacante do Corinthians. O clube carioca já iniciou conversas com Emerson e se dispõe a pagar o mesmo salário que ele ganha do Timão. O vínculo, porém, teria dois anos de duração.

Herói de novo?/ Em meio às negociações, apenas um fato poderá fazer o Corinthians repensar a oferta. Nos dias 3 e 17 deste mês, o Timão vai enfrentar o São Paulo na decisão da Recopa Sul-Americana.  Uma nova atuação de gala de Emerson, semelhante à da final da Libertadores de 2012, pressionaria o Timão a atender o desejo do atleta, de 34 anos.

'Ele está muito envolvido com esses jogos. O foco dele é total nos duelos com o São Paulo', contou Edu Gaspar.

Fonte: Diário de São Paulo

Veja Mais:

  • Oswaldo defendeu utilização da cor verde em homenagem à Chapecoense

    Oswaldo comenta tragédia da Chapecoense e é mais um a defender cor verde no Corinthians

    ver detalhes
  • Sala de cabines de TV da Arena passa a ser chamada Lilácio Pereira Jr.

    Corinthians batiza sala de transmissões da Arena em tributo a vítima de acidente

    ver detalhes
  • Golaço de Marlone sobre Cobresal rendeu a ele indicação ao Puskás

    Marlone supera Messi e Neymar e vai à final do Prêmio Puskás da Fifa

    ver detalhes
  • Luidy (boné) conheceu o CT Joaquim Grava na última quinta-feira

    Contratação do Corinthians vai ao CT pela primeira vez

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes