Sheik bate recorde pessoal num clube: 101 jogos

Sheik bate recorde pessoal num clube: 101 jogos

O Timão vai se tornar o clube que Emerson Sheik defendeu por mais vezes

O Timão vai se tornar o clube que Emerson Sheik defendeu por mais vezes

Foto: Daniel Augusto/Ag. Corinthians

Completar cem partidas por um time, convenhamos, é uma marca supervalorizada atualmente. Bastam apenas dois anos no futebol brasileiro para que isso aconteça. Mas, no caso de Emerson, esse feito é mais raro do que o normal.

Andarilho da bola -; passou por dez clubes na carreira e tem até cidadania catariana -;, ele baterá uma marca no domingo. Contra o São Paulo, Sheik fará o 101 jogo dele pelo Timão, tornando, assim, o Corinthians o clube que mais defendeu ao longo de toda a carreira.

Até então, o máximo do atacante foram os cem jogos pelo Urawa Red Diamonds, clube japonês que defendeu de 2001 a 2005. E essa marca da longevidade é outra que poderá ser ao menos igualada por ele.

Contratado em maio de 2011, Sheik renovou o contrato até julho de 2015. Caso o cumpra até o fim, chegará aos mesmos quatro anos do Urawa.

Mas falando de um recorde por vez... O que será completado no próximo domingo tem uma curiosidade ainda maior. O atacante fará a 101 pelo Alvinegro justamente contra o São Paulo, clube que o revelou, em 1998. Agora, tornou-se o principal alvo de provocações dele.

'Tenho muito carinho pelo São Paulo. É o clube no qual iniciei a carreira. E ponto. Acabou. O futebol perdeu um pouco da época do Edmundo, do Viola. Futebol tem de ter alegria fora de campo. Sou brincalhão, não é ofensa. Tem até torcedor são-paulino que me para na rua e dá risada', garante Sheik.

Centenários/ A marca de 101 partidas é emblemática para Emerson. Assim como os dois gols na final da Libertadores e os cinco títulos conquistados pelo clube. Mas ele ainda está longe da ponta no ranking dos centenários corintianos.

O Timão, no elenco atual, tem oito jogadores que atuaram mais do que ele.  O líder é Chicão, com 247 jogos, seguido por Alessandro (237), Ralf (206), Danilo (185), Douglas (147), Júlio César (141), Fábio Santos (137) e Paulo André (121). Edenílson também tem cem.

Atacante bom de papo

Secando o rival
'Onde é o jogo do São Paulo, hoje (quarta)? (Jornalistas informam que será no Morumbi)  Então, dá Inter'

Segura a língua
'Pediram calma para mim e a ordem veio de cima. Senão, depois tem uma salinha lá em que o bicho pega'

Amarilla no coração
'Ele (Amarilla) roubou a gente na cara dura. O babaca veio e tirou o nosso sonho. O Zé Mané impediu isso'

Atrasos
'Acho que ainda vou chegar atrasado em alguns momentos. Não vou mentir. Eu moro longe, em Alphaville'

Fonte: Diário de São Paulo

Veja Mais:

  • Minds Idiomas segue na manga da camisa corinthiana em 2018

    Com até bolsa de estudos a jogadores, Corinthians renova com patrocinador para manga da camisa

    ver detalhes
  • Renê Júnior, Zé Rafael e Juninho Capixaba: Corinthians de olho em trio do Bahia

    Novo presidente do Bahia é eleito, e Corinthians deve definir ao menos três negociações

    ver detalhes
  • Ronaldo não tem interesse em trabalhar com futebol no Brasil

    Ronaldo admite apoio a Andrés, mas nega vontade de assumir cargo no Corinthians

    ver detalhes
  • Meia pode ser envolvido em troca por jogadores do atual plantel alvinegro

    Segundo jornalista, Corinthians lidera briga com rivais paulistas por meia do Fluminense

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes