Renato, Pato e Douglas agradam Tite e reforçam hierarquia corintiana

Renato, Pato e Douglas agradam Tite e reforçam hierarquia corintiana

Renato, Pato e Douglas agradam Tite e reforçam hierarquia corintiana

Renato, Pato e Douglas agradam Tite e reforçam hierarquia corintiana

Gustavo Franceschini
Do UOL, em São Paulo

 Com o Corinthians em reformulação, Tite tem se esforçado para mexer o mínimo possível na equipe para passar confianças aos seus escolhidos. O jogo em si e as entrevistas do treinador, no entanto, deixam claro que Renato Augusto, Alexandre Pato e Douglas agradam quando entram em campo, reforçando a ideia de 'hierarquia' dentro do elenco alvinegro.

Na vitória contra o Grêmio, na última quarta, pela segunda vez consecutiva os três foram os escolhidos de Tite para uma possível mudança no panorama do jogo na segunda etapa. Contra o São Paulo, os jogadores que saíram do banco de reservas melhoraram a equipe e por pouco não arrancaram uma vitória no clássico.

 Diante dos gaúchos, os titulares já haviam feito parte do trabalho sujo, mas os três mais uma vez agradaram. 'É importante ter jogadores entrando bem. De novo, Renato, Pato e Douglas. Preciso ser coerente, justo. Anteontem [segunda], antes do treino, eu fiz referência ao Douglas. Ele mostrou que em 15 minutos pode entrar e entrar bem. Serve ao Pato, ao Renato, que sistematicamente vem entrando bem', disse o treinador.

O camisa 8 é o maior pedido da torcida e quem está mais perto de beliscar uma vaga entre os titulares. O problema é que, para isso, ele precisa contar com algum problema de um rival ou de uma exceção aberta por Tite.

Em um elenco recheado de nomes de peso, o técnico tem evitado fazer mudanças bruscas. Neste ano, todas as alterações no time titular aconteceram por conta de alguma lesão. No atual momento, em que o time ainda sofre para recuperar o nível de jogo apresentado nos melhores momentos do ano passado, esse cenário se intensifica ainda mais.

'Eu também não posso ficar fazendo entra, tira e bota. As perguntas antes do são: `Teu time não faz gol, não vence'. Quem está entrando precisa ter tranquilidade para jogar', disse Tite, deixando claro que a hierarquia deve ser respeitada mesmo no meio da reformulação.

Fonte: Terceiro Tempo

Veja Mais:

  • Corinthiano Luidy é o novo reforço do Figueirense

    Anunciado por clube da Série B, Luidy agradece Corinthians

    ver detalhes
  • Timão e Caixa não chegaram a acordo pela renovação

    Corinthians recebe ofertas, mas pode permanecer sem patrocínio master na decisão; veja imposições

    ver detalhes
  • Fagner não corre risco de perder finais do Paulistão

    Julgamento de Fagner por suposta agressão no Majestoso acontecerá só após finais do Paulistão

    ver detalhes
  • Jadson, com a 10, fez um dos gols contra a Universidad de Chile na Arena

    Corinthians vai devolver camisa 10 a Jadson; utilização na decisão ainda é incógnita

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes