Corinthians também deve jogar em Brasília pelo Brasileirão

Corinthians também deve jogar em Brasília pelo Brasileirão

11 mil visualizações 51 comentários Comunicar erro

O atual campeão mundial de clubes e dono da segunda maior torcida do país também pode desembarcar na capital para atuar no Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha. O Corinthians viria para disputar partida contra o Vasco, em 25 de agosto, domingo, pela 16ª rodada do Brasileirão. O pedido teria partido da diretoria do Vasco, que acabou frustrada com a arrecadação obtida no clássico contra o Botafogo, no Maracanã. Naquela oportunidade, o cruz-maltino levou apenas R$ 290 mil.

De olho na bolada que embolsou na partida contra o Flamengo no Mané Garrincha — mais de R$ 1 milhão —, o Vasco negocia para pegar o Corinthians também em Brasília. A diretoria do clube enviou ofício à Federação do Estado do Rio de Janeiro (Ferj), solicitando a mudança do local do jogo.

O que talvez possa impedir a presença de Corinthians e Vasco na capital nesse fim de semana específico é o acordo prévio que o Governo do Distrito Federal (GDF) tem com o Flamengo. Em tese, a partida entre Flamengo e Grêmio, no sábado, dia 24 de agosto, também está marcada para o Mané Garrincha. O rubro-negro só pensa em voltar esse jogo para o Rio, caso o consórcio que administra o Maracanã devolva o estádio ao governo estadual. Desde que os jogos do Brasileirão começaram a ser realizados no Estádio Nacional, ainda não houve partidas em dois dias seguidos.

Fonte: Super Esportes

Veja Mais:

  • Inicialmente exposta no Memorial, a estátua de Sócrates está na Arena Corinthians

    Conheça o escultor Laércio Alves, que homenageou Sócrates em estátua exposta na Arena Corinthians

    ver detalhes
  • Sanchez e Roberto de Andrade, atual e ex-presidentes do Corinthians

    Corinthians registra déficit de R$ 35 milhões em 2017; veja números do balanço financeiro

    ver detalhes
  • Renovação, declaração do Balbuena e a posição do Meu Timão

    [Danilo Augusto] Renovação, declaração do Balbuena e a posição do Meu Timão

    ver detalhes
  • Andrés Sanchez, Roberto de Andrade e Gobbi, últimos presidentes do Corinthians

    Diretor financeiro do Corinthians analisa detalhes do balanço de 2017; leia a entrevista

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes