Empresários apoiam emenda da MP que altera Lei Pelé

Empresários apoiam emenda da MP que altera Lei Pelé

1.1 mil visualizações 9 comentários Comunicar erro

Empresários apoiam emenda da MP que altera Lei Pelé

Empresários apoiam emenda da MP que altera Lei Pelé

O empresariado brasileiro mostrou que está do lado da transparência e quer melhorias na gestão esportiva do País. No 3º Fórum Nacional do Esporte, realizado nesta sexta-feira, na capital paulista, os empresários apoiaram a aprovação da emenda que altera a Lei Pelé na Medida Provisória 615/2013, que poderá ser votada na próxima terça-feira (3), no Senado, em Brasília (DF).


O evento contou com a presença de personalidades e autoridades do mundo esportivo, como Ana Moser, Raí e Paulo, os três da Atletas pelo Brasil; o ministro do Esporte, Aldo Rebelo; o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin; o presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), José Maria Marin; João Doria Jr, presidente do Grupo de Líderes Empresariais (LIDE), e Paulo Nigro, presidente da Tetra Park e do LIDE.

Abrindo o Fórum, João Dória leu o manifesto escrito pelo LIDE e pela Atletas do Brasil, que pede a aprovação da emenda que melhora a gestão esportiva do País. 'Nós, empresários, vamos fiscalizar, voto a voto, esta questão no Congresso. É fundamental que os grandes eventos deixem um legado para a prática esportiva e é o que estamos tentando fazer aqui. O esporte é ferramenta importante para o desenvolvimento de um País e desejamos que o Brasil tenha um planejamento a longo prazo', declarou Dória.

A presidente da Atletas pelo Brasil ficou muito otimista com o encontro desta sexta-feira. 'O debate realizado nesta manhã foi ótimo e serviu para clarear vários pontos da emenda para toda a plateia, que era formada em sua grande maioria por empresários, inclusive para o ministro do Esporte. O encontro demonstrou o apoio empresarial ao texto que estamos tentando aprovar e ao manifesto feito por nós e entregue ao ministro', explicou.

Após os debates, Paulo Nigro entregou ao ministro Aldo Rebelo documento com o manifesto do evento e a emenda da MP. 'Esse evento deixa dois legados. Um deles é um documento que tem dez pontos de sugestões de melhoria para o esporte e conta com o apoio de várias empresas. O segundo é o manifesto que expressa a vontade e o apoio à Medida Provisória', afirmou.

O Brasil vive momento único para o esporte nacional
A Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016 trazem oportunidades inéditas de investimentos em infraestrutura esportiva e urbana, de telecomunicação e informação, de emprego e renda, de imagem e posicionamento. É a chance do Brasil iniciar uma nova página do esporte brasileiro, ampliando o acesso ao esporte para criança e adolescentes, de todas as classes sociais.

Há três anos o LIDE e o LIDE Esporte, vem trabalhando para engajar o empresariado nas causas esportivas, por meio das leis de Incentivo ao Esporte. E, em conjunto com Atletas pelo Brasil - que reúne mais de 60 atletas campeões olímpicos e mundiais - trabalha com o objetivo de ampliar o acesso ao esporte, revisar a legislação atual e atualizar a política nacional do esporte.

Hoje, brasileiros e brasileiras mostram engajamento nas questões públicas e nos rumos do país. O esporte é ferramenta importante para o desenvolvimento social, humano e econômico. E nós, como empresários, não podemos nos furtar desta responsabilidade.

Desejamos que o país tenha planejamento de longo prazo, com políticas públicas para o esporte, integrando os Ministérios da Educação, Saúde e Esporte. Foi assim o primeiro manifesto entregue aos ministros das respectivas pastas, no Fórum Nacional de Esporte de 2012.

Agora, juntos, pedimos por uma ação concreta que é a aprovação no Congresso Nacional, com apoio do governo, do texto de lei que melhora a gestão esportiva, trazendo renovação, eficiência e transparência. O projeto já está em medida provisória para ser votado.

Atletas e empresários sempre estiveram juntos com a sociedade brasileira, na aposta pelo esporte. E podem somar ainda mais. Só assim teremos a força do esporte ajudando a melhorar a saúde e a educação, trazendo melhores resultados no esporte de alto rendimento e inspirando mais empresários a investir no esporte brasileiro.

Estamos confiantes que contaremos com a sensibilidade e apoio do governo nos planos federal, estadual e municipal, para não perdemos a oportunidade histórica de termos os dois maiores eventos de esporte do planeta acontecendo em nosso país, sem deixar um legado de grande ativação para a prática esportiva, a inclusão social e a geração de oportunidades de emprego, renda e cidadania.

Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • Clayson, assim como Felipe Melo, foi punido pelo TJD nesta segunda-feira

    Corinthiano Clayson leva gancho de quatro jogos por confusão com Felipe Melo, do Palmeiras

    ver detalhes
  • Juiz voltou atrás após marcar pênalti de Ralf, que tocou só bola

    Tribunal arquiva inquérito que apurava possível interferência externa em Corinthians x Palmeiras

    ver detalhes
  • Lateral-esquerdo Carlos foi convocado para a Seleção Brasileira Sub-20

    Lateral do Corinthians é convocado para treinos com a Seleção Brasileira Sub-20

    ver detalhes
  • O atacante Emerson Sheik voltou a campo no CT Joaquim Grava nesta segunda-feira

    Com retorno de Sheik, Corinthians se reapresenta no CT após goleada no Brasileirão

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes