Projeto inovador: “Corinthianismo”, o livro escrito pela torcida

Projeto inovador: “Corinthianismo”, o livro escrito pela torcida

O livro será escrito por ilustres torcedores e torcedores comuns

O livro será escrito por ilustres torcedores e torcedores comuns

Ousadia traduzida em resultados. Não é apenas no gramado que o Corinthians dá espetáculos. O clube é considerado na atualidade uma força nacional e vem crescendo significativamente como modelo de ações em seu marketing esportivo. As estratégias criadas pelo clube estão cada vez mais ousadas e fogem às quatro linhas.

Uma obra inédita sobre a tradicional história do Corinthians será escrita por seus próprios torcedores. Corinthianismo – mais de 30 milhões de fiéis (BB Editora), promete trazer “histórias de estádio” comuns entre os inúmeros loucos do bando que serão eternizadas em uma publicação oficial.

"Saímos do lugar comum e desenvolvemos uma obra inédita. Esse pioneirismo aliado à participação dos torcedores dará um gosto especial ao final da obra", salientou Baroni Neto, diretor da BB.

Fabio Assunção, Alessandra Negrini, Thaila Ayala, Negra Li, Japinha, Badauí e outros famosos contam seus momentos marcantes no livro acompanhados de ídolos da torcida como Wladimir, Zenon, entre outros.

Fonte: Corinthians

Veja Mais:

  • Corinthians/Americana pode não voltar a quadra no segundo semestre

    Campeão nacional, Corinthians/Americana chega ao fim, diz jornal

    ver detalhes
  • De promessa a dispensado: ex-Corinthians, Cassini comunica saída da Ponte Preta

    De promessa a dispensado: ex-Corinthians, Cassini comunica saída da Ponte Preta

    ver detalhes
  • Cicinho, hoje no futebol búlgaro, deve pintar como reforço do Corinthians

    Final da Copa da Bulgária separa Corinthians de segunda contratação para o Brasileirão-2017

    ver detalhes
  • Pequeno torcedor conheceu também o xeque Al-Khelaifi, dono do clube francês

    Em Paris, torcedor-mirim surpreende xeique do PSG e pede contratação de atacante do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes