Comandada por Guto Ferreira, Seleção da vigésima terceira rodada, tem Cássio no gol

Comandada por Guto Ferreira, Seleção da vigésima terceira rodada, tem Cássio no gol

Comandada por Guto Ferreira, Seleção FI do BRASILEIÃO no 3-5-2

Comandada por Guto Ferreira, Seleção FI do BRASILEIÃO no 3-5-2

O Cruzeiro somou um ponto importante diante do Corinthians, no Pacaembu, e aumentou a vantagem sobre o vice-líder Botafogo, que foi surpreendido pelo Bahia no Maracanã. Atlético-PR e Grêmio continuaram no G4, enquanto Ponte Preta e Náutico viram as chances de escapar do rebaixamento diminuírem ainda mais. Criciúma e Vasco da Gama também estão em situações complicadas.


Como a 23ª rodada não teve muitos gols - média de 1,4 por jogo -, a Seleção do Portal Futebol Interior aparece com três zagueiros, armada no 3-5-2. Inspirado, Ronaldinho Gaúcho é o camisa 10 dos melhores da rodada. Já o treinador é Guto Ferreira, que foi fritado na Ponte Preta e vem salvando a Portuguesa, cada vez mais distante da zona de rebaixamento.

Confira a Seleção FUTEBOL INTERIOR DA 23.ª RODADA:

Cássio (Corinthians);

Rodrigo (Goiás), Victor Ramos (Vitória) e Luiz Alberto (AtléticoPR);

Edilson (Botafogo), Eli Carlos (Náutico), Souza (Portuguesa), Ronaldinho Gaúcho (Atlético-MG) e Junior César (Atlético-MG);

Fernandão (Bahia) e Biro Biro (Fluminense).

Técnico - Guto Ferreira (Portuguesa)

Goleiro: Cássio (Corinthians)
Depois de algumas partidas oscilando muito, Cássio voltou a mostrar porque é campeão mundial. No primeiro tempo do empate contra o Cruzeiro, por 0 a 0, salvou duas bolas e no última lance do jogo fez mais uma defesa espetacular. Se o ataque não resolve, ao menos, a defesa tem segurado e salvado o Timão de resultados piores. Weverton, do Atlético-PR, também merece ser lembrado, já que evitou duas vezes que a Ponte Preta chegasse ao empate.

Zagueiro: Rodrigo (Goiás)
Não é de hoje que vem sendo um dos principais jogadores do Goiás neste Brasileirão. Contra seu ex-clube, Rodrigo fez mais uma grande partida, não deu espaços para Luis Fabiano, e depois Aloísio, e ainda contou com a sorte para marcar o gol da vitória. Soltou a bomba em cobrança de falta, a bola acertou na trave e tocou nas costas de Rogério Ceni antes de entrar. Foi o GOL DA RODADA. VEJA NO VIDEO !

Zagueiro: Victor Ramos (Vitória)
O Grêmio teve o controle do jogo. Tentou de todos os jeitos o gol da vitória, chegou a fazer num lance mal anulado, mas o jogo terminou empatado por 0 a 0. Um dos destaques em campo foi o zagueiro Victor Ramos, que jogou muito bem na defesa e ajudou seus companheiros a segurar o rápido ataque Tricolor.

Zagueiro: Luiz Alberto (Atlético-PR)
A Ponte Preta foi superior ao Atlético-PR durante boa parte do jogo deste domingo, mas a zaga rubronegra mostrou muita consistência e soube neutralizar bem o artilheiro William. Devido a qualidade do gramado, a Macaca abusou das jogadas aéreas e Luiz Alberto ganhou praticamente todas.

Lateral-direito: Edilson (Botafogo)
O Botafogo não fez uma grande partida neste domingo e por isso a derrota para o Bahia acabou sendo justa, mas Edilson foi dos jogadores mais regulares e conseguiu se destacar. Ele, aliás, vem crescendo de produção nas últimas rodadas. Abriu o placar para o Botafogo em uma cobrança de falta.

Volante: Elicarlos (Náutico)
A situação do Náutico no Brasileirão não é nada boa. Em má fase, o Timbu é o lanterna da competição e tem chances remotas de fugir do descenso. Na partida contra o Flamengo, o clube pernambucano conseguiu arrancar um empate sofrido em 0 a 0. Um dos destaques do embate foi o volante Elicarlos. Bem posicionado, o jogador conseguiu brecar os atacantes adversários, dando um ótimo apoio aos seus companheiros de defesa.

Meia: Souza (Portuguesa)
Assumiu a missão de ser o maestro da Lusa na sua impressionante recuperação dentro do Brasileirão. Não foi diferente na vitória sobre o Internacional, por 1 a 0, na sua primeira conquista fora de casa. Ele assume a responsabilidade de ser o 'dono do passe', tanto em cobrança de faltas, como em escanteios e com passes valiosos.

Meia: Ronaldinho Gaúcho (Atlético-MG)
Participando dos dois gols do Galo, o craque parece estar recuperando o bom futebol que apresentou na Libertadores 2013. No primeiro, deu toque de calcanhar para Fernandinho, e no segundo, cobrou falta venenosa que Rafael Vaz desviou contra a própria meta.

Lateral esquerdo: Junior César (Atlético-MG)
Mesmo sem apresentar um futebol brilhante, o lateral foi dos mais regulares na vitória do Galo sobre o Vasco por 2 a 1. Descendo bem ao ataque, Junior Cesar ainda tinha fôlego para e voltar a ajudar a defesa.

Atacante: Fernandão (Bahia)
Chamando o jogo, o centroavante do Bahia foi fundamental para a virada da equipe tricolor ao cabecear firme para as redes aos 36 minutos do segundo tempo. Conseguiu segurar dois marcadores botafoguenses na maior parte do tempo.

Atacante: Biro Biro (Fluminense)
O Fluminense perdia por 1 a 0 para o Coritiba quando o técnico Vanderlei Luxemburgo optou por promover a entrada de Biro Biro e, mais uma vez, o garoto entrou bem no jogo e mostrou que tem potencial para ser um jogador importante no Tricolor Carioca. Com velocidade e muita disposição, Biro Biro levou o Flu ao empate no segundo tempo.

Técnico: Guto Ferreira (Portuguesa)
Como deve será fácil e gostoso ser o técnico do líder Cruzeiro, líder isolado e com oito pontos na frente do vice-líder Botafogo: 50 a 42 pontos. Mas o difícil é assumir a Portuguesa lá embaixo, cotada para ser rebaixada e deixá-la fora do Z4 e com um futebol eficiente, de resultados positivos.

O técnico Guto Ferreira pode comemorar a sua primeira vitória fora de casa neste Brasileirão, ao bater o Internacional, por 1 a 0, em Novo Hamburgo. Antes disso, fora de casa, a Lusa já tinha sido castigada nas derrotas para o Grêmio, por 3 a 2, com um pênalti polêmico, e com a derrota para o Fluminense, por 2 a 1, num resultado injusto.

Por outro lado, a Lusa ganhou moral com quatro vitórias consecutivas em casa: Bahia (4 a 2), Ponte Preta (2 a 1), Vasco da Gama (2 a 0) e Náutico (3 a 0). O Guto Ferreira não merece elogios? Claro, que sim. Parabéns!

Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • Oswaldo defendeu utilização da cor verde em homenagem à Chapecoense

    Oswaldo comenta tragédia da Chapecoense e é mais um a defender cor verde no Corinthians

    ver detalhes
  • Sala de cabines de TV da Arena passa a ser chamada Lilácio Pereira Jr.

    Corinthians batiza sala de transmissões da Arena em tributo a vítima de acidente

    ver detalhes
  • Golaço de Marlone sobre Cobresal rendeu a ele indicação ao Puskás

    Marlone supera Messi e Neymar e vai à final do Prêmio Puskás da Fifa

    ver detalhes
  • Luidy (boné) conheceu o CT Joaquim Grava na última quinta-feira

    Contratação do Corinthians vai ao CT pela primeira vez

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes