Tite é o rei do mata-mata no Corinthians

Tite é o rei do mata-mata no Corinthians

O técnico Tite se empolga com esse tipo de competição

O técnico Tite se empolga com esse tipo de competição

Foto: D.Augusto Jr/Ag. Corinthians

O Campeonato Brasileiro por pontos corridos é a fórmula mais justa que existe. Premia o bom planejamento, a regularidade das equipes, o investimento em estrutura e a seriedade nas administrações. Mas quem disse que a parte mais 'legal' do futebol é a justiça?

Os corintianos, por exemplo, pouco se importam com isso. Eles querem adrenalina, emoção e jogar no limite, sabendo que um erro pode ser fatal. Tudo o que os torneios por mata-mata proporcionam. Para a alegria dos alvinegros, tudo isso estará em campo amanhã, contra o Grêmio, pelas quartas de final da Copa do Brasil.

Esse pode ser o choque que os jogadores do Timão precisam para acordar. Uma vitória sobre o Grêmio -; apesar de o jogo de volta ser apenas em 23 de outubro -; poderia reacender a chama desse apagado time. Basta se lembrar do passado recente.

Neste ano, a equipe terminou a primeira fase do Paulistão na quinta posição. No mata-mata, não teve para ninguém. Goleou a Ponte Preta e eliminou os rivais São Paulo e Santos.

Meses se passaram e, depois de um começo cambaleante no Brasileirão, mais boas atuações e uma taça na Recopa.

'São competições traiçoeiras. Na Copa do Brasil, perdemos para o Luverdense e ficou difícil reverter. Não se pode errar', definiu o goleiro Cássio.

Tite também se empolga com esse tipo de competição. Ele sabe motivar a equipe. Exceto pelo Brasileirão de 2011, seus outros quatro títulos pelo Timão foram em mata-matas.

outro lado/ O treinador costuma dizer que conquistar vitórias em um torneio pode dar moral para se recuperar em outro. O problema é que o contrário também é válido.

Do mesmo jeito que o triunfo faria o Corinthians voltar aos trilhos, uma derrota poderá trazer mais problemas. Perder em casa é praticamente dar adeus à Copa do Brasil e, consequentemente, perder chance de voltar à Taça Libertadores.

'É uma competição com características diferentes. Levar vantagem no primeiro jogo, qualquer que ela seja, é bom', disse Tite, cobrando uma vitória no Pacaembu, amanhã.

Bicho-papão em   mata-matas

Recopa-2013
O Corinthians atropelou o arquirrival São Paulo, venceu as
duas partidas da decisão e levou o título da Recopa para casa.

Paulistão-2013
Depois de oscilar na primeira fase, ficando em quinto, o Timão cresceu no mata-mata e derrotou o Santos na final do Paulista.

Mundial de Clubes-2012
Duas atuações cirúrgicas contra Al-Ahly (EGI) e Chelsea (ING), no Japão, trouxeram o bicampeonato mundial para o Timão.

Taça Libertadores-2012
Oito vitórias, quatro empates e o título invicto da competição continental. Nem precisa falar sobre esse mata-mata, certo?

Fonte: Diário de São Paulo

Veja Mais:

  • Carille vive dia complicado nesta sexta-feira

    Carille sofre perda familiar, e Corinthians se solidariza com nota de pesar

    ver detalhes
  • Corinthians segue líder, mas vê diferença para Grêmio diminuir

    Novidade no G6 e caça ao Corinthians: veja a classificação do Brasileirão após a 15ª rodada

    ver detalhes
  • Arena Corinthians deve receber grande público na partida entre Corinthians e Flamengo

    Corinthians já vendeu 25 mil ingressos uma semana antes de jogo contra Flamengo

    ver detalhes
  • Jadson ficará fora por cerca de um mês

    Elenco do Corinthians oferece oito jogadores para substituir lesionado Jadson

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes