Por conta de 'torcedores', Corinthians pode ficar sem jogar no Pacaembu até o fim do ano

Por conta de 'torcedores', Corinthians pode ficar sem jogar no Pacaembu até o fim do ano

Por Meu Timão

'Torcedores' tem feito uma cagada atrás da outra

'Torcedores' tem feito uma cagada atrás da outra

O Corinthians corre risco de ser punido com até dez perdas de mando pelo STJD pela garrafada que o auxiliar Bruno Salgado Rizzo levou no jogo de domingo contra a Portuguesa, em Campo Grande (MS).

O Timão tem mais sete jogos como mandante no Brasileiro, mas em quatro deles já houve a perda do mando por causa de briga da torcida em Brasília, contra o Vasco. Por conta disso, amanhão o Corinthians jogará contra o Bahia em Mogi Mirim (a 150 km da capital paulista), cumprindo o primeiro jogo de suspensão.

O lance da garrafada foi relatado na súmula pelo árbitro e até a Portuguesa também pode ser julgada por ser o mandante da partida. O artigo 213 do CBJD (Código Brasileiro de Justiça Desportiva), prevê punição em caso de não reprimir arremesso de objetos ao campo e o julgamento deve ocorrer semana que vem.

Além do Brasileirão, o Corinthians também disputa a Copa do Brasil, mas também foi punido por 2 jogos por conta de sinalizadores que torcedores levaram ao jogo contra o Luverdense, em 21 de agosto.

Veja Mais:

  • Torcida do Corinthians fez festa no estádio do Racing

    Fotógrafo registra vídeo sensacional no meio da torcida do Corinthians no estádio do Racing

    ver detalhes
  • Homero transformou bandeira invertida em taça da Libertadores nas costas de Edinho

    21 anos após erro de tatuador, corinthiano fecha costas com lembranças épicas da Libertadores

    ver detalhes
  • Carille vai mudar rotina do Timão e tirar concentração do CT

    Pela primeira vez em seis anos, Corinthians deixa CT para se concentrar ao lado do Morumbi

    ver detalhes
  • Parte do elenco Sub-20 permanecerá no Brasil

    Em próxima data FIFA, Corinthians Sub-20 viaja para a Espanha e enfrenta Deportivo La Coruña

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes