Promotor de justiça pede multa de R$ 30 mil e afastamento de torcidas

Promotor de justiça pede multa de R$ 30 mil e afastamento de torcidas

Por Meu Timão

O promotor de Justiça do Consumidor Roberto Senise Lisboa disse na tarde desta segunda-feira (14) que entrou com um pedido na Justiça de multa de R$ 30 mil para as torcidas organizadas Gaviões da Fiel (do Corinthians) e Independente (do São Paulo), além de afastamento delas por 120 dias dos estádios. A ação foi motivada por brigas dentro do estádio do Morumbi e pelo confronto de torcedores na Marginal Tietê neste domingo (13), após a partida entre os times.

O pedido de multa e afastamento é baseado no descumprimento de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) assinado pelas torcidas em 2012. Além disso, o promotor pediu a dissolução das duas torcidas. É a terceira ação com o mesmo pedido movida por ele contra a Gaviões da Fiel e a primeira vez que Lisboa solicita à Justiça a dissolução da torcida organizada do São Paulo.

Vinte e um torcedores do São Paulo foram detidos na Marginal Tietê, na Zona Norte de São Paulo, após o confronto com torcedores do Corinthians. Eles pertencem à torcida organizada Independente, de Campinas, no interior do estado, e estavam em um ônibus que foi depredado durante a confusão.

A polícia diz que a briga foi combinada pelas redes sociais. De acordo com a Polícia Militar, que escoltava ônibus com integrantes da Independente, torcedores do São Paulo desceram do ônibus e se esconderam nas laterais da Marginal Tietê, à espera dos corintianos. Próximo ao acesso à Rodovia dos Bandeirantes, os corintianos desceram de quatro ônibus em que estavam. Na tentativa de dispersar os torcedores, policiais usaram bombas de gás lacrimogêneo e balas de borracha.

Os torcedores estavam armados com barras de ferro, pedras, rojões, chaves de fenda, de roda e estrela, segundo boletim de ocorrência registrado no 91º Distrito Policial, no Ceasa. Uma moradora de Valinhos (SP) que retornava de São Paulo (SP) disse ter passado por momentos de pânico durante a briga entre os torcedores.

Segundo o boletim, centenas de torcedores dos dois times participaram do confronto e ao menos 21 deles foram levados até a delegacia, mas já tinham sido liberados no início da manhã desta segunda-feira (14). A maior parte deles conseguiu fugir sem ser identificado. Um policial militar e dois torcedores do São Paulo ficaram feridos.

Confronto

Depois do jogo, a Polícia Militar escoltou 22 ônibus que transportavam integrantes de diferentes torcidas organizadas, entre elas, a Gaviões da Fiel e a Camisa 12, do Corinthians.

Segundo a polícia, dez desses ônibus pararam sem ordem aparente. Parte dos torcedores começou a descer e cerca de 350 de são-paulinos se aproximaram a pé, armados com barras de ferro, pedras e disparando rojões contra os adversários. A polícia conseguiu fazer com que parte dos ônibus partisse e tentou evitar o confronto.

Apesar do esforço, os grupos entraram em confronto. Policiais identificaram entre os torcedores do São Paulo um dos líderes da Independente, torcida organizada tricolor.

A Polícia Militar usou bombas de gás lacrimogêneo e balas de borracha para dissipar o confronto. Os corintianos e parte dos são paulinos conseguiram fugir.

Os suspeitos devem responder por promover tumulto, rixa, lesão corporal, formação de quadrilha ou bando, porte de armas e dano a patrimônio. No boletim de ocorrência, existe a menção a um torcedor da Gaviões da Fiel que, ainda na quadra da torcida, desistiu de ir ao estádio do Morumbi, na Zona Sul, por ter ouvido de colegas que haveria confronto com a torcida tricolor. A Polícia orientou um líder da Gaviões a pedir aos corintianos que mantivessem a tranquilidade durante a partida. O jogo terminou empatado em 0 a 0.

Veja Mais:

  • Patch de homenagem a Chapecoense na camisa do Corinthians

    Veja imagens da camisa do Corinthians com o patch da homenagem a Chapecoense

    ver detalhes
  • Marinho vem sendo pedido por torcedores do Corinthians para 2017

    Pedido pela torcida do Corinthians, Marinho admite deixar Vitória em 2017

    ver detalhes
  • Simi passou sete anos no Corinthians

    Simi reclama de saída do Corinthians e projeta 'final às avessas' da LNF no Parque São Jorge

    ver detalhes
  • Oswaldo divulgou lista de relacionados do Corinthians

    Com apenas um desfalque, Corinthians divulga lista de relacionados para enfrentar Cruzeiro

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes