Promessa do basquete do Corinthians morre afogada em Praia Grande

Promessa do basquete do Corinthians morre afogada em Praia Grande

Um menino, de 10 anos, foi encontrado morto na manhã desta segunda-feira (21) em Mongaguá, no litoral de São Paulo. Israel de Lima Oliveira estava desaparecido desde o último domingo (20), quando acabou sumindo enquanto tomava banho de mar. Israel era atleta das categorias de base do basquete do Corinthians e disputaria uma competição, em Minas Gerais, no próximo mês de dezembro.
Segundo a mãe do garoto, Derivalda Oliveira, a família, que é de São Paulo, aproveitava as férias no litoral quando o acidente aconteceu. "Ele tinha muito medo de água. O Israel acabou entrando no mar junto com o tio e com o irmão, e quando eles mergulharam o meu filho desapareceu. Cheguei a abordar o salvamento aquático, mas não existia informação sobre afogamento. Eles não entraram no mar para buscar o meu filho. Houve negligência", reclama.
Ainda de acordo com Derivalda, os familiares se desesperaram e saíram pela praia mostrando as fotos de Israel. "Não encontramos. Também não conseguimos registrar boletim de ocorrência já que ele havia desaparecido há pouco tempo. Estamos todos arrasados", lamenta a mãe.
Israel era uma das promessas do basquete do Corinthians. Segundo Derivalda, ele passou na peneira do clube e já tinha disputado alguns torneios. "O sonho dele era ser jogador de basquete. Ele viajaria, em dezembro, para Minas Gerais. Ele se dedicava tanto ao esporte que conseguiu se tornar um dos cestinhas da equipe", finaliza.
O corpo do garoto foi encontrado por volta das 9h. A família conseguiu reconhecer Israel por causa de uma pulseira que ele usava no momento do desaparecimento. Antes de confirmar a morte do garoto, a família havia procurado o atleta em hospitais e no necrotério da cidade. O corpo do garoto deve ser levado para São Paulo nas próximas horas.

Fonte: Pgn 9

Veja Mais:

  • Oswaldo defendeu utilização da cor verde em homenagem à Chapecoense

    Oswaldo comenta tragédia da Chapecoense e é mais um a defender cor verde no Corinthians

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians se despediu da Arena no empate por 0 a 0 com o Atlético-PR

    Maior do país, público do Corinthians é duas vezes a média do Brasileirão 2016

    ver detalhes
  • Sala de cabines de TV da Arena passa a ser chamada Lilácio Pereira Jr.

    Corinthians batiza sala de transmissões da Arena em tributo a vítima de acidente

    ver detalhes
  • Golaço de Marlone sobre Cobresal rendeu a ele indicação ao Puskás

    Marlone supera Messi e Neymar e vai à final do Prêmio Puskás da Fifa

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes