Pressionado, Marin convida Bom Senso para nova reunião na CBF

Pressionado, Marin convida Bom Senso para nova reunião na CBF

Pressionado, Marin convida Bom Senso para nova reunião na CBF

Pressionado, Marin convida Bom Senso para nova reunião na CBF

Rio de Janeiro, RJ, 22 (AFI) - A CBF comunicou nesta terça-feira que o presidente José Maria Marin voltará a se reunir com membros do grupo Bom Senso FC, que reúne jogadores do futebol brasileiro e defende mudanças no calendário do futebol nacional, na próxima segunda-feira. De acordo com a nota oficial divulgada pela entidade, em que convida membros do movimento para o encontro, marcado para as 14 horas de 28 de outubro, na sede da CBF, a reunião servirá para 'discutir positivamente alterações no calendário do ano de 2014 e outras questões de real importância para todos os segmentos que constituem a essência do futebol'.


O convite para o encontro foi feito apenas um dia após o fim do prazo estipulado pelo Bom Senso FC para que a CBF respondesse aos pedidos feitos na reunião anterior, realizada no dia 7 de outubro. Os jogadores reclamaram que não receberam uma resposta efetiva da entidade, mas agora terão um novo encontro com Marin.

Além do presidente da CBF e dos membros do Bom Senso FC, a entidade também convidou o Sindicato Nacional das Associações de Futebol Profissional, a Federação Nacional dos Atletas Profissionais de Futebol, a Associação Nacional dos Árbitros de Futebol, a Comissão de Clubes da CBF e a Rede Globo, 'por ser a emissora detentora dos direitos de transmissão das competições de âmbito nacional' para a reunião. Segundo a CBF, 'a reunião tem como objetivo encontrar alternativas eficazes e delinear sugestões comuns que atendam a todos os interessados'.

No último fim de semana, durante a rodada do Campeonato Brasileiro, os jogadores das equipes realizaram um abraço coletivo simbólico antes de cada uma das partidas para mostrar a união do movimento Bom Senso FC. O grupo, que conta com centenas de integrantes, incluindo jogadores importantes, como Rogério Ceni (São Paulo), Dida (Grêmio), Juninho Pernambucano (Vasco) e Alex (Coritiba), foi criado no final de setembro por não concordar com a forma como vem sendo conduzidas as decisões do futebol brasileiro, sendo a principal reclamação em relação ao calendário.

Inicialmente, o calendário da temporada 2014 previa o início dos campeonatos estaduais para 12 de janeiro, o que levaria alguns a jogadores a terem apenas quatro dias de pré-temporada, se os 30 dias de férias forem respeitados, pois o Campeonato Brasileiro se encerrará em 8 de dezembro. Várias federações estaduais, porém, estão cedendo ao apelo dos jogadores e postergando o começo das competições.

Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • Atlético-PR e Coritiba preferiram não realizar a partida e enfrentaram o modelo tradicional do futebol

    Unidos, rivais peitam a Globo e acabam barrados pela Federação Paranaense

    ver detalhes
  • Roberto de Andrade pode ser afastado nesta segunda-feira

    Linha do tempo, bastidores e opiniões de conselheiros: tudo sobre o impeachment no Corinthians

    ver detalhes
  • Corinthians terminou a quarta rodada como líder do Grupo A

    Líder do Grupo A, Corinthians termina rodada um ponto atrás do líder geral

    ver detalhes
  • Fábio Carille comandou Corinthians em mais uma vitória, desta vez contra o Audax

    Passadas quatro rodadas, só um time tem aproveitamento melhor que Corinthians no Paulistão-2017

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes