Alexandre Pato deve ganhar nova chance no Corinthians

Alexandre Pato deve ganhar nova chance no Corinthians

Pato deve jogar contra o Santos

Pato deve jogar contra o Santos

Foto: Gazeta Press

Para os que conviveram com Alexandre Pato nos últimos dias, o atacante pareceu o mesmo de sempre. Não mostrou qualquer mudança de humor. Nesta sexta, no entanto, o camisa 7 divulgou nota oficial dizendo estar 'p... da vida' com o erro na disputa de pênaltis contra o Grêmio. Também tentou explicar o motivo de ter arriscado a cavadinha facilmente defendida por Dida. A decisão custou ao Corinthians uma vaga nas semifinais da Copa do Brasil.

Embora o tom seja de justificativa, em nenhum momento do texto o atacante pede desculpas pelo erro. Talvez esteja deixando para se explicar com os pés, em campo, domingo, no clássico contra o Santos, em Araraquara. A pressão é enorme. O presidente Mario Gobbi colocou como meta vencer os oito jogos que restam para o time até o final do Brasileirão.

'Sou homem, assumo minha responsabilidade e sigo à disposição do Corinthians para tentarmos terminar o ano melhor do que estamos', afirma a nota divulgada em nome do jogador.

Conhecidos/ Para justificar a escolha de dar só um toque para o gol, Pato diz conhecer bem Dida. Os dois foram companheiros no Milan, entre as temporadas 2007 e 2011. Quando o atacante chegou ao clube italiano, o goleiro era titular.

'Todos os atletas estão à disposição. É um momento decisivo para o Corinthians. A resposta é que ele está convocado e à disposição para o jogo, porque a direção entendeu que a instituição é maior do que qualquer coisa', disse Tite, recusando-se a confirmar a escalação do atacante contra o Santos.

Mas ele não tem alternativa que não seja colocá-lo em campo. Guerrero se recupera de cirurgia no pé. Romarinho está suspenso. Além de Pato, o único atacante à disposição é Emerson Sheik, que não faz um gol pela equipe desde 31 de julho. Na última rodada, diante do Criciúma, foi Alexandre Pato quem tirou o Timão do sufoco.

Isso, antes da cavadinha.

Perguntas sobre Pato fazem Tite perder a paciência

Das primeiras sete perguntas da entrevista de Tite, na sexta, seis foram sobre Alexandre Pato. O treinador se esquivou, evitou usar palavras duras e pediu para falar mais sobre o clássico. Mesmo assim, o bombardeio continuou. As questões seguiram sobre o atacante, até Tite sair do sério. Sem levantar o tom de voz, mas contrariado, não gostou de ouvir que havia, supostamente, chamado Pato de 'moleque irresponsável' no vestiário.

'Não coloca palavras na minha boca. O vestiário é do Corinthians e do seu presidente. Se veicular esse adjetivo, vai ficar muito ruim para ti. Esses adjetivos são muito pesados', disse, querendo dizer que a repórter estaria divulgando algo que não aconteceu.

A insistência a respeito do mesmo assunto fez com que Tite fizesse um novo pedido: 'Não quero ser antipático nem fugir da resposta. Mas vamos botar um ponto-final nisso'.

Fonte: Diário de São Paulo

Veja Mais:

  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes
  • Maycon conta com o aval de Oswaldo de Oliveira para retorno

    Retorno de Maycon minimiza necessidade por contratação de volante no Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes