Copa 2014: Corinthians inicia corrida para entregar a Arena Corinthians

Copa 2014: Corinthians inicia corrida para entregar a Arena Corinthians

Copa 2014: Corinthians inicia corrida para entregar a Arena Corinthians

Copa 2014: Corinthians inicia corrida para entregar a Arena Corinthians

Odebrecht e Corinthians iniciam nesta segunda-feira uma corrida contra o tempo para que a Arena Corinthians fique pronto a tempo de receber o jogo de abertura da Copa do Mundo, dia 12 de junho. E o maior gargalo será a colocação da cobertura, pois na última semana a peça que fecharia o teto do estádio caiu e o acidente provocou a morte de dois operários no canteiro de obras.


Após o episódio que destruiu também parte da área externa do estádio na fachada leste, incluindo parte do telão de led, a obra não terá condições de ser entregue dentro do prazo, neste mês. A Fifa trabalha com a hipótese de 45 a 60 dias atraso. Já a Odebrecht, internamente, é mais otimista e faz uma previsão de 40 dias além do previsto.

Após o período de paralisação das obras por causa do luto pela morte dos trabalhadores, os funcionários vão voltar nesta segunda-feira ao batente e acelerar as atividades nos setores que estão liberados pela Defesa Civil.

No Prédio Oeste ainda há trabalho de acabamento que precisa ser feito. Só que o principal, que é terminar a colocação da estrutura da cobertura, não poderá ser tocado.

Como existem pilares de sustentação nos dois lados do vão livre, que ficarão lá até a cobertura ser totalmente colocada, a empresa contratada para fazer as arquibancadas móveis, a Fast, não poderá iniciar o serviço e isso será um problema no cronograma da obra.

Por enquanto, só é possível fazer as fundações para a colocação da estrutura provisória e preparar as arquibancadas na fábrica que fica na Grande la ao canteiro de obras em um estágio mais adiantado. As arquibancadas móveis vão ampliar a capacidade do estádio em 20 mil lugares, que são necessários para que a Arena Corinthians possa receber o jogo inaugural - a capacidade será ampliada de 48 mil para 68 mil lugares. Sem elas, o estádio não pode ser usado na abertura do Mundial.

Pelo cronograma inicial, as arquibancadas seriam instaladas em janeiro. Como o novo cronograma de obras, isso só deve ocorrer em fevereiro, dependendo do tempo que levará para a perícia liberar os trabalhos na área isolada por causa do acidente.

Assim, quanto maior a demora nos trabalhos da perícia, maior o gargalo para a colocação da estrutura provisória. Outro problema é em relação ao uso de guinchos na obra. O Ministério do Trabalho embargou provisoriamente a operações de nove guindastes e isso também pode atrasar ainda mais o planejamento.

Inauguração
O Corinthians também abortou, por ora, usar o estádio em jogos do Campeonato Paulista, como estava previsto inicialmente. O clube cogitava inaugurar o estádio em fevereiro, em um amistoso, e depois usá-lo em algumas partidas do Estadual. Seria um teste antes de entregar o estádio a Fifa, por volta de abril, e que ajudaria o clube a já começar a lucrar com sua nova casa.

Após a assinatura do contrato de financiamento, a linda de crédito de R$ 420 milhões, o clube espera fechar a negociação do naming right com uma empresa área árabe.

Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • Farfán foi companheiro de Guerrero na seleção do Peru

    Jornalista revela interesse do Corinthians em atacante peruano

    ver detalhes
  • Camisa a ser usada pelo Corinthians contra o Cruzeiro tem escudo da Chapecoense

    Em ação no Twitter, Corinthians exibe uniforme em homenagem à Chapecoense

    ver detalhes
  • Equipe feminina do Timão foi ao CT Joaquim Grava no início de novembro

    Corinthians renova parceria com Audax e confirma equipe feminina para 2017

    ver detalhes
  • Castán posta foto com taça do penta e recebe pedidos para voltar; veja

    Castán posta foto com taça do penta e recebe pedidos para voltar; veja

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes