Arsenal prepara nova oferta ao Corinthians para ter Pato em janeiro

Arsenal prepara nova oferta ao Corinthians para ter Pato em janeiro

Segundo jornal inglês, Alexandre Pato é alvo de Tottenham e Arsenal

Segundo jornal inglês, Alexandre Pato é alvo de Tottenham e Arsenal

SÃO PAULO - O Arsenal, líder do Campeonato Inglês, ainda não desistiu de ter o atacante Alexandre Pato no seu elenco. Contratar o jogador do Corinthians, de 24 anos, faz parte dos planos dos dirigentes ingleses na próxima janela de negociação, em janeiro. Pato não fez uma temporada boa no Corinthians, embora tenha sido o artilheiro do time. Mesmo assim, seu nome não caiu nas graças do torcedor.

O Arsenal acena subir a oferta de 8 milhões de euros (R$ 24,7 milhões) que já tinha oferecido pelo jogador, mas recusado pelo clube brasileiro, que ainda via em Pato a soluções de seus problemas. O Corinthians pagou R$ 40 milhões para ter o contrato de Pato e espera recuperar, ao menos, o dinheiro investido se o próximo treinador, que deverá ser Mano Menezes (ele não foi anunciado ainda), liberá-lo. Existe a possibilidade de Mano pedir sua permanência.

O Corinthians espera que a oferta do Arsenal bata na casa dos 17 milhões de euros (R$ 52 milhões), o que seria de bom tamanho, com ganho para o clube de R$ 12 milhões - não levando em conta os juros que o dinheiro parado na conta do clube poderia render.

Fonte: Estadão

Veja Mais:

  • Guilherme foi o destaque da atividade coletiva pelo segundo dia consecutivo

    Dupla volta, e Oswaldo vê time titular brilhar em treino do Corinthians; veja a escalação

    ver detalhes
  • Jabá sentiu dor na coxa e deixou o treino do Corinthians mais cedo

    Léo Jabá se machuca em treino do Corinthians e deixa campo com dores na coxa

    ver detalhes
  • CT Joaquim Grava ganhou novidades

    Corinthians 'aposenta' decoração do centenário e dá cara nova ao CT Joaquim Grava

    ver detalhes
  • Torcidas organizadas propõem pacto pela paz em São Paulo

    Torcidas organizadas propõem pacto pela paz em São Paulo

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes