Ponte falha e paulistas ficam sem representante na Libertadores após 15 anos

Ponte falha e paulistas ficam sem representante na Libertadores após 15 anos

Ponte falha e paulistas ficam sem representante na Libertadores após 15 anos

Ponte falha e paulistas ficam sem representante na Libertadores após 15 anos

A Ponte Preta era a última esperança do Estado de São Paulo de manter o tabu de 15 anos seguidos com ao menos um representante na Copa Libertadores. Mas a derrota para o Lanús-ARG nesta quarta-feira, na decisão da Sul-Americana, deixou a equipe paulista fora da próxima edição do principal torneio da América, acabando assim com a expressiva marca.

A última vez que o Estado de São Paulo não teve representantes na Libertadores foi no ano de 1998, quando o campeão foi o Vasco. Além dos cariocas, outros dois times brasileiros participaram desta edição: Grêmio e Cruzeiro.

Desde então, Palmeiras, Corinthians, São Paulo e Santos ?' e até São Caetano ?' sempre estiveram representando o Estado de São Paulo na Libertadores, e em diversas oportunidades conquistando títulos inclusive: Palmeiras, em 1999, São Paulo, em 2005, Santos, em 2011, e Corinthians, em 2012.

Agora, em 2014, o torneio continental contará com os seguintes times brasileiros: Atlético-MG, Flamengo, Cruzeiro, Grêmio, Atlético-PR e Botafogo, que com a quarta colocação do Campeonato Brasileiro ficou com a vaga que poderia ser da Ponte Preta.

Fonte: Terceiro Tempo

Veja Mais:

  • Clayson foi escolhido por Carille para, mais uma vez, substituir Jadson

    Corinthians encerra preparação, e Carille mantém escalação sem Jadson para jogo deste sábado

    ver detalhes
  • Jadson começa a partida deste sábado no banco de reservas

    Com retorno de Jadson, Corinthians divulga lista de relacionados para jogo contra Vitória

    ver detalhes
  • Fagner já tem 208 jogos, sete gols e dois títulos pelo Corinthians

    Fagner fala sobre fazer história no Corinthians, revela papo com Léo Príncipe e manda recado à Fiel

    ver detalhes
  • Adauto disse contar com Walter, mas goleiro não será obrigado a permanecer

    Diretor do Corinthians explica situação de Walter, prevê volta de Douglas e alfineta rival

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes