Corinthians atrasou uma das parcelas da compra de pagamento e atrapalhou planejamento do Coelho

Corinthians atrasou uma das parcelas da compra de pagamento e atrapalhou planejamento do Coelho

Rodriguinho veio do América-MG

Rodriguinho veio do América-MG

O atraso de 15 dias do Corinthians no pagamento da terceira parcela relativa a compra do meia Rodriguinho impactou o fluxo do América. Isso porque os jogadores estão sem receber seus salários referentes à parte de outubro e o mês novembro. Entretanto, a diretoria americana quer resolver logo a questão dos salários até a semana que vem, independente se Corinthians depositar o valor.

O presidente do clube, Marcos Salum, garantiu que o América sempre honra com seus compromissos em dia, apesar do acontecido. “Vamos resolver o problema. O Corinthians já pagou duas parcelas (de quatro). A outra está vencida há 15 dias e impactou o nosso fluxo. Temos a promessa de por em dia imediatamente. Até a semana que vem queremos resolver. Se o Corinthians não pagar, tomaremos medidas para quitar os salários de outra forma”, explicou o presidente, que demonstra chateação com a repercussão.

De acordo com o superintendente geral do América, Alexandre Faria, o Coelho tem ótima relação com o Corinthians e eles estão procurando a melhor maneira. O cube alviverde já se reuniu com o paulista, na quinta-feira em São Paulo (SP), que demonstrou preocupação em quitar o que deve. Faria ainda destaca que, apesar do vencimento dos jogadores estarem atrasados, os funcionários estão com os salários em dia. As contratações para a próxima temporada também não serão comprometidas, pois já fazem parte do fluxo financeiro de 2014.

A negociação de 100% dos direitos federativos e 50% dos direitos econômicos do meia Rodriguinho para o Corinthians foi concretizada no início de outubro, por R$ 4 milhões. A transação envolvendo o meia é considerada a maior da história do clube alviverde. Na época, os 100% dos direitos econômicos do jogador valiam R$ 8 milhões. A nova configuração dos direitos econômicos de Rodriguinho passou a ser: 50% com o Corinthians, 40% com o Capivariano, clube do interior de São Paulo, e 10% com o América.

Fonte: O Tempo

Veja Mais:

  • Carlinhos marcou o seu décimo gol na competição

    Corinthians atropela Juventus na semifinal da Copinha e busca pelo décimo título

    ver detalhes
  • Drogba quer conversa com técnico e presidente antes de decisão

    Avaliando proposta, Drogba quer contato direto com técnico e presidente do Corinthians

    ver detalhes
  • Empresário do meia Pedrinho acusa empresa de assédio sobre o jogador dentro do Corinthians

    Portal revela denúncia de empresário de meia da base contra empresa de Garcia

    ver detalhes
  • Final da Flórida Cup 2017, único revés em mata-mata para o Corinthians no Século 21

    Após seis triunfos, Timão perde primeiro mata-mata para o São Paulo no Século 21

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes