Com proposta da China, meia do Santos pode parar no Corinthians

Com proposta da China, meia do Santos pode parar no Corinthians

Com proposta da China, meia do Santos pode parar no Corinthians

Com proposta da China, meia do Santos pode parar no Corinthians

' O Shandong Luneng, da China, não é o único que quer contar com o futebol do meia Cícero na próxima temporada. Além do Palmeiras, outro grande paulista demonstrou o interesse pelo jogador do Santos. Neste domingo, foi revelado que o Corinthians tem a intenção de contar com o artilheiro do Peixe e já teria se reunido com seu empresário, Eduardo Uram, para tratar da negociação.

Porém, a negociação com o Corinthians não deve ser a das mais fáceis. Para se transferir para o Parque São Jorge, Cícero pediu um salário de R$ 450 mil, considerado alto pela cúpula do Timão, que teria que arcar com a rescisão com o clube da Vila Belmiro, além das luvas do jogador.


O passe de Cícero pertence ao Tombense, do empresário Eduardo Uram e o time chinês está disposto a comprar o atleta em definitivo, diferente do Corinthians, que tinha o intuito de adquirir 50%. Como está emprestado até o final de 2014, o Santos ganhará uma compensação financeira não divulgada. Os altos valores envolvidos na negociação pode pesar à favor da saída do jogador do Peixe.

Além do Timão e do Palmeiras, o jogador já foi sondado pelo Cruzeiro, Atlético-MG, Internacional, Grêmio e Flamengo.

Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • Marcelo Hermes deve ser emprestado pelo Benfica em 2018; Corinthians de olho

    Protegido por R$ 175 milhões, lateral do Benfica é oferecido ao Corinthians para 2018

    ver detalhes
  • Guilherme Siqueira foi contratado pelo Atlético de Madrid em 2014

    Ex-Atlético de Madrid, lateral ítalo-brasileiro é sondado pelo Corinthians

    ver detalhes
  • O diário da invasão -  Cinco anos de um feito histórico

    [Rafael Castilho] O diário da invasão - Cinco anos de um feito histórico

    ver detalhes
  • Artilheiro do Brasileirão, Jô pode levar novo gancho do STJD

    Jô e Clayson, do Corinthians, voltam a ser julgados no STJD

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes