Paulistão: Cássio opera dedo e desfalca Corinthians por até 30 dias

Paulistão: Cássio opera dedo e desfalca Corinthians por até 30 dias

Paulistão: Cássio opera dedo e desfalca Corinthians por até 30 dias

Paulistão: Cássio opera dedo e desfalca Corinthians por até 30 dias

O Corinthians divulgou nota oficial nesta quarta-feira para informar que o goleiro Cássio precisou ser submetido a uma cirurgia em um dos dedos da mão esquerda e ficará cerca de 30 dias sem poder jogar. O clube explicou que o procedimento cirúrgico, realizado na última manhã, serviu para 'corrigir lesão traumática na cápsula articular do quinto dedo da mão esquerda'.


Para Cássio, o afastamento logo no início da temporada é um duro golpe, pois ele havia acabado de se recuperar de uma grave lesão muscular na coxa direita, esta que o deixou de fora dos gramados de outubro até o final do ano passado.

Ainda de acordo com o Corinthians, o goleiro deverá receber alta hospitalar no final do dia, sendo que o clube informou que durante o período sem poder atuar ele seguirá realizando treinamentos físicos.

Sem ter Cássio à disposição, o técnico Mano Menezes deverá confirmar Walter no time titular corintiano na estreia do Campeonato Paulista, neste domingo, às 17 horas, contra a Portuguesa, no Canindé. Júlio César e Danilo Fernandes são as outras opções para a posição.

Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • Mais um herói na arquibancada de cima

    [Walter Falceta] Mais um herói na arquibancada de cima

    ver detalhes
  • Setor Norte da Arena Corinthians segue interditado para o início do Brasileirão

    Setor Norte da Arena segue interditado para Brasileiro; Corinthians pode ter dois clássicos 'vazios'

    ver detalhes
  • Pedrinho surge como opção para Jadson, que foi preservado do treino nesta quarta-feira

    Pedrinho é testado por Carille no primeiro treino com titulares antes de decisão

    ver detalhes
  • Guilherme foi empréstimo ao Atlético-PR

    Atlético-PR anuncia contratação do corinthiano Guilherme até 2018

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes