Vampeta critica Bom Senso: 'Pego 500 mil e quero 60 dias de férias?'

Vampeta critica Bom Senso: 'Pego 500 mil e quero 60 dias de férias?'

Sempre polêmico, Vampeta faz duras críticas ao Bom Senso FC

Sempre polêmico, Vampeta faz duras críticas ao Bom Senso FC

Presidente do Audax, que administra times no Rio de Janeiro e São Paulo, Vampeta criticou o movimento Bom Senso FC em participação no "Arena SporTV". O ex-jogador da seleção brasileira e de clubes como Corinthians, Flamengo e Fluminense disse que os participantes do grupo ganham salários acima da média nacional e que, por isso, não devem exigir um menor número de jogos. O ex-volante criticou os protestos em campo e disse acreditar que nada mudará no futebol brasileiro por causa do movimento.

- Pergunto porque o Rogério, o Dida, o Alex não foram reclamar lá atrás? Foram reclamar agora, com 39 anos, parando. Daqui a dois anos vocês não veem nenhum deles em atividade (...) São todos amigos meus. Mas discordo totalmente. Para o jogo, um minuto, senta, bate uma bola. Isso é tudo bobagem. Não vai dar em nada. Torço para que melhore, mas é minha opinião (...) Não sou contra um organização melhor, um calendário melhor. Mas acho que começou mal com essas "paradinhas". Conheço todos eles muito bem. Quero ver quantas vezes o Dida vai participar de reunião (...) Para por um minuto por todas as rodadas. E agora vai falar lá com o Marin para ver o que ele vai fazer - afirmou.

O campeão mundial com a Seleção em 2002 questionou o perfil dos líderes do movimento, dizendo que a realidade deles é diferente da dos atletas de clubes de menor investimento.
- No Audax, ninguém tem contrato de três anos, é de quatro meses. Isso acontece com todos os clubes menores. A não ser os meninos da base, com quem fazemos um contrato mais longo. Ninguém ganha mais de R$ 1 mil. Por isso que eu discordo muito do Bom Senso. Tem Dida, Alex, Seedorf voltou para a Itália, Ceni, Paulo André. Todos são ricos, ganham muito bem. E os demais, que jogam nas divisões menores e em clubes pequenos? Pego meus R$ 500 mil e quero 60 dias de férias? Isso eu discordo. Tem que ter jogo, a carreira é curta. Acho que quando eu jogava eram até mais jogos que agora - disse.

Dirigente de um grupo que têm clubes na Série A do Paulista e do Carioca, Vampeta afirma que s equipes precisam de mais competições para poder manter as suas atividades.
- Os clubes querem mais competições para poder ganhar dinheiro. Como os clubes vão se manifestar para ter menos jogos? Como eu vou manifestar para jogar menos? (...) Manda (jogador) se manifestar lá no meu clube que eu mando todo mundo embora. É assim que funciona. Não é ditadura não. Como é que eu estou pagando, tirando o meu ganha pão e vou me manifestar contra? Como o clube vai tomar iniciativa de menos jogos se ele vive disso? Um mês de férias é justo para todo mundo. Só que o calendário não permite você ter 60 dias de pré-temporada.

Vampeta disse que os jogadores de times que disputam as séries A, B e C do Campeonato Brasileiro são privilegiados, já teriam salários pelo ano inteiro. O ex-jogador citou o exemplo do seu clube, que ainda busca uma vaga na Série D e, por isso, fica parte do ano sem disputar torneios.

- Quando começa o Campeonato Brasileiro, é legal para quem está na Série A, B ou C, mas fica muito jogador desempregado. Depois da Copinha, a maioria dos clubes fecha e só volta em novembro para jogar o estadual. Não acho que pode deixar de ter competições e jogos para os atletas estarem em exibição. Sou a favor de 24 clubes na primeira divisão. Brasil é muito grande e pode ter com uma tabela organizada - disse.

O ex-jogador disse que o atleta mais bem pago do time ganha R$ 10 mil, mas que atua apenas até abril. Ou seja, somente durante o campeonato estadual.
Para se classificar à Série D, o time precisa ficar entre os dois melhores colocados da disputa local, excluindo os que jogam as Séries A, B ou C do Brasileiro.

Veja Mais:

  • Romero será um dos titulares na última partida do ano

    Libertadores, vingança e tributo: Corinthians encara Cruzeiro neste domingo

    ver detalhes
  • Patch de homenagem a Chapecoense na camisa do Corinthians

    Veja imagens da camisa do Corinthians com o patch da homenagem a Chapecoense

    ver detalhes
  • Marinho vem sendo pedido por torcedores do Corinthians para 2017

    Pedido pela torcida do Corinthians, Marinho admite deixar Vitória em 2017

    ver detalhes
  • Simi passou sete anos no Corinthians

    Simi reclama de saída do Corinthians e projeta 'final às avessas' da LNF no Parque São Jorge

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes