Copa São Paulo: Corinthians busca revanche contra o Santos após 30 anos

Copa São Paulo: Corinthians busca revanche contra o Santos após 30 anos

Foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

Foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

Com o intuito maior de revelar grandes talentos para o futebol brasileiro e mundial, a Copa São Paulo de Futebol Junior, popular Copinha, teve sua primeira edição em 1969 e, nesse período de 45 anos, só não foi realizada em 1987. O Corinthians (o primeiro campeão da história da competição) e o Santos (o campeão de 2013) fazem a final da 44ª edição da Copinha no próximo dia 25 de janeiro.


Com oito títulos, o Corinthians é o clube que mais conquistou a competição (1969, 1970, 1995, 1999, 2004, 2005, 2009 e 2012) e mais sete vezes foi o vice-campeão (1973, 1975, 1976, 1978, 1984, 1993 e 1997). O Santos conquistou a competição duas vezes (1984 e 2013) e mais duas vezes foi o vice-campeão (1983 e 2010).

A primeira vez que o Santos conquistou a Copinha foi há 30 anos (1984) justamente em cima do rival Corinthians.

Em 1984, a Copinha em sua 15ª edição, foi disputada por 24 times; Corinthians, Palmeiras, Santos, São Paulo, Portuguesa, Guarani, Ponte Preta, Botafogo, Comercial, Juventus, Santo André, Marília, Nacional e Paulista (São Paulo), Botafogo, Flamengo, Fluminense e Vasco da Gama (Rio de Janeiro), Atlético Mineiro e Cruzeiro (Minas Gerais), Grêmio e Internacional (Rio Grande do Sul), Vitória (Bahia) e Matsubara (Paraná).

Conforme o regulamento, na primeira fase da competição os clubes foram divididos em 8 grupos com 3 times cada, onde apenas o primeiro colocado de cada grupo avançou as quartas-de-final.

Para chegar a grande decisão o Santos, na primeira fase conquistou o primeiro lugar do Grupo 5 depois de vencer por 3 a 0 o Matsubara e por 2 a 1 o Cruzeiro. Nas quartas-de-final, após um empate no tempo normal sem abertura de contagem, o Peixe venceu a Ponte Preta nos pênaltis, 5 a 4 e, na semifinal, o time venceu o Nacional por 2 a 1.

Já o Corinthians, na primeira fase conquistou o primeiro lugar do Grupo 1 depois de empatar em 0 a 0 com o Botafogo do Rio e vencer o Paulista de Jundiaí por 2 a 1. Nas quartas-de-final, o Timão venceu Flamengo por 2 a 0 e, na semifinal, o time venceu o São Paulo por 2 a 1.

A grande final, vencida pelo Santos por 2 a 1, aconteceu no dia 21 de janeiro no estádio Osvaldo Teixeira Duarte, o Canindé. Gerson aos 18 minutos do primeiro tempo abriu a contagem em favor do Peixe (1 a 0) e, ainda na primeira etapa, o Timão chegou ao empate com gol de Rogério aos 32 minutos (1 a 1). O Santos conquistou o titulo com um gol de cabeça anotado por Flavio aos 43 minutos da segunda etapa depois de cobrança de escanteio (2 a 1).

O Santos do técnico Ernesto Marques jogou com Nilton; Amauri, Pedro Paulo, Flávio e Mário; Mazinho, Enéias e Édson; Mauro, Gérson e Guinho (Rogério). O Corinthians do técnico Élcio com Alexandre; Éder (Ferrari), Marcelo, Pinela e Brandão; Moisés, Careca e Edmundo; Aguinaldo, Carioca (Valtinho) e Rogério.

Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • Alan Santos tem conversas avançadas com Corinthians

    Corinthians negocia contratação de volante do Coritiba, diz portal

    ver detalhes
  • Giovanni Augusto treinou como lateral nesta terça-feira

    Giovanni na lateral, mudança na zaga e susto de Rildo: o treino desta terça do Corinthians

    ver detalhes
  • Corinthians encara o Cruzeiro neste domingo, no Mineirão

    Resultado no Mineirão vale mais que os três pontos para Corinthians e Cruzeiro; entenda

    ver detalhes
  • Walter prestará homenagem a Danilo em suas luvas

    Walter usará luva personalizada em tributo a ex-goleiro da Chapecoense Danilo

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes