Ex-patrocinadora estaria disposta a pagar pelo Naming Rights da Arena Corinthians

Ex-patrocinadora estaria disposta a pagar pelo Naming Rights da Arena Corinthians

Por Meu Timão

Tem mais uma empresa interessada pelo Naming Rights da Arena Corinthians

Tem mais uma empresa interessada pelo Naming Rights da Arena Corinthians

Foto: Divulgação

Nessa sexta-feira, o site ESPN revelou que mais uma empresa estaria interessada em colocar seu nome na Arena Corinthians. Segundo a publicação, a ex-patrocinadora do clube, Kalunga, estaria disposta a pagar R$ 18 milhões por ano, por um período de 20 anos para ter seu nome no novo estádio que irá sedear a abertura da Copa.

O plano inicial era de que o Timão conseguisse faturar R$ 20 milhões por ano, e pra isso, André Sanchez está mais uma vez viajando para os Emirados Árabes, negociar com uma companhia aérea.

Um dos sócios da Kalunga é um conselheiro do clube, Paulo Garcia, que se candidatou a presidente do Corinthians em 2012 e foi derrotado por Mário Gobbi mas pode se candidatar novamente em 2016.

Independente de quem seja o próximo presidente, o dinheiro seria bem-vindo nessa conturbada fase do Timão. Segundo a matéria, os custos do estádio já passam de R$ 900 milhões. Em 2013, a empresa que patrocinou o clube em 1990 faturou cerca de R$ 1.3 bilhões.

Veja Mais:

  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes
  • Filha dá resposta sensacional ao pai palmeirense: 'Vai, Corinthians'

    Pai força garotinha a cantar música do Palmeiras, e ela surpreende com um 'Vai, Corinthians!'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes