Corinthians contrata seguranças após invasão ao CT

Corinthians contrata seguranças após invasão ao CT

Paulistão: Corinthians contrata seguranças após invasão ao CT

Paulistão: Corinthians contrata seguranças após invasão ao CT

O Corinthians voltou a treinar nesta segunda-feira pela manhã no CT do Parque Ecológico com cuidado redobrado. O clube contratou sete seguranças particulares, que ficaram na entrada do local para evitar novos episódios de violência, como o do último sábado, quando cerca de 100 torcedores invadiram o último treino do time antes do jogo contra a Ponte Preta.


Nesta segunda-feira, o presidente do clube, Mário Gobbi, vai conceder entrevista coletiva e deve se pronunciar sobre a má fase da equipe e os incidentes do último sábado. O Corinthians perdeu as últimas três partidas pelo Campeonato Paulista. Após a goleada sofrida por 5 a 1 para o Santos, na última quarta-feira, o time voltou a ter atuação apagada neste domingo, quando perdeu por 2 a 1 para a Ponte Preta, em Campinas.

Para o jogo, aliás, os atletas cogitaram não entrar em campo por temerem reações agressivas da torcida. No Estádio Moisés Lucarelli, os corintianos presentes nas arquibancadas protestaram contra o time e xingaram os jogadores.

Apesar do receio de novos episódios de violência, não havia movimento de torcedores nas proximidades do CT corintiano na manhã desta segunda-feira, quando o time iniciou a preparação para o jogo com o Bragantino, quarta-feira, no Estádio do Pacaembu, pela sexta rodada do Campeonato Paulista.

Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • Filha dá resposta sensacional ao pai palmeirense: 'Vai, Corinthians'

    Pai força garotinha a cantar música do Palmeiras, e ela surpreende com um 'Vai, Corinthians!'

    ver detalhes
  • Gaviões da Fiel se unirá as outras torcidas organizadas paulitas neste domingo

    Organizadas rivais de São Paulo se unem em evento no Pacaembu em homenagem à Chape

    ver detalhes
  • Arana pode se transferir para a Inter de Milão nos próximos dias

    Com oferta na mão, Corinthians espera retorno de presidente para definir venda de Arana

    ver detalhes
  • Corinthians optou por não utilizar redes sociais em respeito ao momento

    Corinthians suspende redes sociais em dia de velório coletivo da Chapecoense

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes