Andrés nega envolvimento em decisões do futebol do Corinthians

Andrés nega envolvimento em decisões do futebol do Corinthians

As constantes especulações de que Andrés Sanchez influencia diretamente nas atitudes tomadas pelo departamento de futebol do Corinthians vem incomodando o ex-presidente alvinegro. Ele emitiu uma nota oficial nesta quinta-feira para deixar claro que em nenhum momento participou da negociação que culminou com a saída de Alexandre Pato do Timão e esclareceu: no momento, se dedica única e exclusivamente à construção da Arena em Itaquera.

- Sou o responsável pela obra da Arena Corinthians e dedico todo o meu tempo à construção do estádio. Tenho trabalhado bastante nisso e pela saúde financeira da obra. Também quero deixar claro que estive no CT do clube na última segunda-feira (03 de fevereiro) como conselheiro do Corinthians que sou há 15 anos. Fui conversar com os funcionários e atletas para dar meu apoio e pedir desculpas pelo o ocorrido no final de semana - escreveu.

Presidente do Timão entre 2007 e 2011, Andrés também se mostrou indignado com a invasão de aproximadamente cem torcedores ao CT Joaquim Grava, no último sábado. Por meio de uma rede social, o ex-dirigente já havia condenado os envolvidos no caso, tratado por ele como um "rolezinho".

Sobre a saída de Pato para a chegada de Jadson, em troca já concretizada com o São Paulo, Andrés reiterou que atua apenas como conselheiro, mas não influencia nas decisões de Ronaldo Ximenes e Edu Gaspar, responsáveis pelo futebol do clube.

Outro ponto que quero esclarecer é que não tenho nenhum tipo de envolvimento com a negociação do jogador Alexandre Pato. Não participo da diretoria e muito menos de suas atitudes. Estou à disposição, como conselheiro, para ajudar - completou.

Fonte: Globo Esporte

Veja Mais:

  • Jadson deve ser opção a partir da próxima quarta-feira, dia 1

    Jadson confirma que se colocou à disposição para enfrentar o Palmeiras e crava jogo da reestreia

    ver detalhes
  • Fellipe Bastos, à direita, deve retornar ao time; Léo Jabá é dúvida

    Corinthians terá ao menos uma mudança na escalação para encarar Palmeiras

    ver detalhes
  • Sanchez e Roberto de Andrade seguem aliados na política do Corinthians

    Fortalecido após veto do impeachment, Andrés Sanchez cogita voltar à presidência do Corinthians

    ver detalhes
  • Roberto de Andrade assumiu presidência do Corinthians em fev/2015 e segue até fev/2018

    Conselheiros barram votação do impeachment, e Roberto de Andrade segue presidente do Timão

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes