Por conta de dívidas e garantias, Pato não assina contrato com o São Paulo

Por conta de dívidas e garantias, Pato não assina contrato com o São Paulo

Por Meu Timão

Pato um dia já mandou a torcida do São Paulo calar a boca

Pato um dia já mandou a torcida do São Paulo calar a boca

O atacante Alexandre Pato ainda não assinou o contrato com o São Paulo e nem deve assinar enquanto a diretoria do Corinthians não pagar o que deve para o jogador. Segundo o site UOL, o Corinthians deve um pouco mais de 1 milhão de reais ao jogador e durante os 2 anos que o atacante jogar no São Paulo, o Corinthians terá que desembolsar cerca de 400 mil reais por mês entre salário e direitos de imagem.

Pato teme que o Corinthians alegue que a imagem dele está sendo usada pelo rival, e por isso suspenda os pagamentos. E enquanto o Timão não der uma garantia que irá pagar em dia essas obrigações, Pato não assinará com o São Paulo.

Se a situação não for resolvida até a próxima quinta-feira, quem perde com isso é o Jadson que não ficará regularizado antes do clássico contra o Palmeiras.

Segundo o site UOL, o Corinthians encarou o pedido como algo inusitado, e não manifestou nenhuma intenção de dar o 'calote' futuro. O Timão aceitou a condição e foi buscar as garantias exigidas.

Se tudo der certo e Alexandre Pato resolver assinar é possível que ambos reforços sejam apresentados pelas novas diretorias na próxima quinta-feira.

Veja Mais:

  • Michel (à esq.) e o sobrinho foram ao Maracanã naquele 23 de outubro

    Terceiro corinthiano solto no Rio desabafa: 'Fui pra ver o jogo, não pra brigar'

    ver detalhes
  • Torcedores na Arena poderão adicionar patch da Chapecoense em camisas

    Loja da Arena irá personalizar grátis camisas em homenagem à Chapecoense

    ver detalhes
  • Corinthians já definiu profissionais que devem permanecer e ser negociados

    Isaac, Mendoza, Oswaldo... Confira quem chega e quem sai do Corinthians

    ver detalhes
  • É tudo política, estúpido!

    [Marco Bello] É tudo política, estúpido!

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes