De saída? Emerson não fica nem entre reservas em treino corintiano

De saída? Emerson não fica nem entre reservas em treino corintiano

De saída? Emerson não fica nem entre reservas em treino corintiano

De saída? Emerson não fica nem entre reservas em treino corintiano

Os dias de Emerson no Corinthians parecem cada vez mais próximos do fim e o treino comandado por Mano Menezes nesta sexta-feira foi mais um indício disso. O treinador dividiu o elenco corintiano em três times de oito jogadores para a realização de uma atividade tática. Sem espaço em nenhuma das equipes, o atacante ficou de fora do trabalho.


Emerson acabou treinando em outro campo. Seus companheiros na atividade eram na maioria atletas que acabaram de subir das categorias de base. Eles realizaram um trabalho de finalizações e cruzamentos, sem a atenção de Mano Menezes.

O atacante vive momento complicado no Corinthians. Em péssimo momento técnico, perdeu vaga na equipe titular e vinha ficando como opção no banco. Na última rodada do Campeonato Paulista, no entanto, mesmo tendo condições de jogo, acabou ficando de fora da lista de relacionados para o duelo diante do Atlético Sorocaba, sendo preterido pelo jovem Malcom.

Mesmo com tantos indícios de que a relação entre Emerson e o clube está perto do fim, Mano Menezes contemporizou. 'Era um treino tático, em que eu queria treinar os meias e as linhas defensivas de quatro jogadores. O Emerson não ficou encostado, fez trabalho técnico com oito jogadores no campo ao lado. Não tem nada com jogador nenhum, absolutamente nada. Amanhã pretendo repetir este trabalho, e os jogadores que não foram utilizados hoje devem ser usados', comentou.

O fato é que Emerson já não tem o mesmo prestígio no Corinthians. Herói da conquista da Libertadores de 2012, ao marcar os dois gols da vitória por 2 a 0 sobre o Boca Juniors na final, o jogador atravessa péssimo momento e só não foi negociado ainda porque o clube não encontra quem banque o alto salário dele.

Emerson também não parece disposto a facilitar a negociação. Ele já recusou a possibilidade de ser envolvido em uma transação com o Grêmio e, posteriormente, com o Atlético-MG. O Botafogo aparece agora como possível destino para o jogador, mas o Corinthians não quer bancar metade do salário dele. O time paulista, no entanto, admite estar atrás de um reforço para o setor ofensivo.

Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • Jô falou com a imprensa nesta terça-feira já na Argentina

    Jô admite toque no braço, nega trapaça e abre o jogo sobre polêmica no Corinthians

    ver detalhes
  • Andrés Sanchez fez fortes declarações sobre polêmicas envolvendo o Timão

    Em vídeos, Sanchez critica CBF, rebate Eurico e fala sobre polêmica: 'Maior time da América Latina'

    ver detalhes
  • Romero conversou com a imprensa estrangeira no aeroporto da Argentina

    Com assédio a Romero e Cássio, delegação do Corinthians desembarca em Buenos Aires

    ver detalhes
  • Jô demonstrou desconforto durante viagem à Argentina

    Após polêmica, Jô demonstra forte abatimento; veja relato da viagem do Corinthians à Argentina

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes