Por entrosamento, Mano Menezes até filma treinos do Corinthians

Por entrosamento, Mano Menezes até filma treinos do Corinthians

Por entrosamento, Mano Menezes até filma treinos do Corinthians

Por entrosamento, Mano Menezes até filma treinos do Corinthians

São Paulo, SP, 30 (AF|I) - O Brasileirão só começa no dia 20 de abril para o Corinthians, mas Mano Menezes já sabe qual sua missão na competição: chegar entre os times que garantem vaga à Libertadores de 2015. Para isso, o treinador apostará num esquema mais ofensivo no campeonato, com dois meias, Renato Augusto e Jadson, e dois atacantes.


Com um futebol mais ofensivo, o treinador espera apagar da mente do torcedor a imagem negativa de 2013, quando o Corinthians não marcava gols e chegou a lutar contra o rebaixamento.

Dentre as várias prioridades de contratações, a armação das jogadas parece o setor com menos problemas: Rodriguinho, Danilo e Zé Paulo são considerados bons reservas e Mano investirá tudo na dupla Renato Augusto e Jadson.

O entrosamento dos dois, além do aprimoramento da forma física de ambos virou uma das grandes metas nesse período de quase um mês sem jogos. A dupla vai receber atenção especial e vem tendo, inclusive, seus movimentos gravados. Tudo que fazem juntos está sendo filmado para depois ser repassado ao grupo de como Mano Menezes quer que seja o trabalho ou mesmo as jogadas.

'A ideia é essa sem dúvida nenhuma (entrosar a dupla). Já estamos fazendo isso nos trabalhos. Estou observando muito nossa armação', fala Mano, que já utilizou diversas peças nesse início de ano e agora parece ter encontrado a parceria ideal.

Só para se ter uma noção do desespero de Mano na armação, ele já chegou a utilizar Ibson, Douglas, Rodriguinho, Zé Paulo, Danilo, Ramirez e até Bruno Henrique mais adiantado até bater o martelo por Jadson e Renato Augusto.

Ciente, porém, de que a competição é longa, ele quer passar os vídeos das jogadas para quando necessitar mudar, o time não cair de rendimento. 'Vamos desenvolver o sistema de jogo com Renato Augusto e Jadson, firmar, mas durante um campeonato longo como o Brasileiro, vai existir a necessidade de muitas trocas, só que na medida que o sistema estiver firmado, quem entrar, entra numa engrenagem que é muito mais fácil para ele. Terá apenas de entender a função que vai fazer e desenvolvê-la no campo.'

Outro ponto tratado com carinho é a defesa. Como mudou quase todas as peças em relação a 2013 - sobrou apenas Gil nos titulares - Mano quer deixá-la em ponto de bala. 'Precisamos trabalhar mais nossa linha de quatro, mexemos em três posições, isso é muita coisa para ajustar em poucos treinamentos. Com essa parada, teremos a oportunidade para fazer isso.'

Cléber, escolhido para formar o paredão com Gil, aprova. 'Vamos treinar bastante e iniciar o Brasileiro com tudo. Bem lá atrás, nossa equipe tem tudo para fazer muitos gols e arrancar bem.'

Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • Universidade Brasil firmou acordo com Corinthians para primeiro jogo da final estadual

    Corinthians anuncia patrocínio pontual para final do Paulistão; veja como fica a camiseta

    ver detalhes
  • Alan Mineiro não volta ao Corinthians em 2017

    Corinthians empresta Alan Mineiro para quarto clube diferente em menos de um ano

    ver detalhes
  • Corinthians encerrou preparação contra a Ponte Preta

    Clima bom, susto de Pablo e escalação do Corinthians: o último treino antes da Ponte Preta

    ver detalhes
  • Casuals foi derrotado nos pênaltis neste sábado; próxima temporada só em agosto

    Nos pênaltis, Corinthian-Casuals perde final e adia sonho de subir de divisão

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes