Elias admite protagonismo e explica por que abdicou de R$ 1,5 mi em retorno

Elias admite protagonismo e explica por que abdicou de R$ 1,5 mi em retorno

Elias admite protagonismo e explica por que abdicou de R$ 1,5 mi em retorno

Elias admite protagonismo e explica por que abdicou de R$ 1,5 mi em retorno

O volante Elias participou de uma iniciativa do setor de comunicação do Corinthians ao responder perguntas de 35 torcedores selecionados pelo clube, numa espécie de entrevista coletiva. Ele admitiu retornar ao time como protagonista e explicou por que abriu mão de R$ 1,5 milhão para voltar da Europa.

'O jogador que vem jogar no Corinthians tem que saber da pressão que é...Eu, quando saí daqui, era coadjuvante. Hoje volto para ser protagonista. Vou trabalhar duro, forte, para que possa ser protagonista'.

Elias foi contratado pelo Corinthians por 4 milhões de euros, em uma dura negociação com o Sporting-POR, que era detentor dos seus direitos. O Timão teve que superar a concorrência do Flamengo para ficar com o jogador.

Como contratou Elias depois do encerramento da janela de transferências europeias, o Corinthians só poderá colocar o novo reforço em campo a partir de julho, quando ele será regularizado.

Para que a negociação com o Corinthians pudesse ser concretizada, Elias teve que abdicar de R$ 1,5 milhão, entre desconto no salário mensal no período em que ele não puder entrar em campo e perdão do valor que tinha a receber do Sporting-POR. Ele disse que não se arrepende do fato.

'Para ser feliz, você tem abrir mão de muita coisa. Eu abri para poder voltar para casa, para a minha família, para o clube que eu amo. Cada escolha gera uma renúncia. Eu escolhi ser feliz e voltar para casa'.

Pela programação do Corinthians, Elias treinou no início da manhã desta quinta-feira e fez exames no CT Joaquim Grava. Depois, o volante respondeu perguntas para 35 torcedores escolhidos previamente pelo clube. Por fim, ele concederá coletiva aos profissionais de imprensa.

Fonte: Terceiro Tempo

Veja Mais:

  • Roberto de Andrade assumiu presidência do Corinthians em fev/2015 e segue até fev/2018

    Conselheiros barram votação do impeachment, e Roberto de Andrade segue presidente do Timão

    ver detalhes
  • Roberto de Andrade concedeu entrevista nesta segunda no Parque São Jorge

    Após se livrar de impeachment, Roberto de Andrade sugere tentativa de golpe no Corinthians

    ver detalhes
  • Rodriguinho deve ser uma das opções para o Corinthians no BR-17

    Corinthians tem Chape e clássicos logo no começo; veja a tabela completa do BR-17

    ver detalhes
  • Patch que será usado pelos jogadores no Dérbi de quarta-feira

    Rivalidade à parte: Corinthians e Palmeiras se unem e usarão logo no clássico

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes