Presidente do Corinthians ainda acredita na conquista do título

Presidente do Corinthians ainda acredita na conquista do título

Por Meu Timão

Andrés Sanchez ainda acredita no título

Andrés Sanchez ainda acredita no título

O Corinthians foi goleado pelo Goiás, por 4 a 1, e caiu para a nona colocação do Campeonato Brasileiro no domingo. O que não impediu o presidente Andrés Sanchez de manter as esperanças de conquistar o título no final do ano.

"Claro que ainda dá. Enquanto existirem chances matemáticas, o Corinthians continuará lutando", pregou o mandatário, com a expressão serena após a derrota no Pacaembu. "Perdemos merecidamente. Não estávamos acostumados com goleadas nos últimos anos, mas faz parte do futebol."

Com 37 pontos ganhos, o Corinthians tem sete de desvantagem para o líder Palmeiras e ainda está com um jogo a mais. Realista, o técnico Mano Menezes sabe que será difícil corresponder aos anseios de Andrés Sanchez e encostar na ponta da tabela.

"A nossa ideia era vencer o Goiás, pois se tratava de um concorrente direto. Estaríamos em uma condição bem melhor, com 40 pontos e na quinta posição. Agora que o Palmeiras tem um jogo a menos, ficamos distantes", analisou Mano, durante participação no programa Mesa Redonda, da TV Gazeta. "Mas não podemos deixar a goleada interferir no nosso rendimento nas próximas partidas", acrescentou.

O presidente do Corinthians também já pensa na sequência do Campeonato Brasileiro. A equipe fará clássico contra o São Paulo no domingo, no Morumbi. "Cada jogo tem a sua história. Não vamos errar tanto como foi contra o Goiás", animou-se Sanchez.

Fonte: Gazeta Esportiva

Veja Mais:

  • Romero será um dos titulares na última partida do ano

    Libertadores, vingança e tributo: Corinthians encara Cruzeiro neste domingo

    ver detalhes
  • Patch de homenagem a Chapecoense na camisa do Corinthians

    Veja imagens da camisa do Corinthians com o patch da homenagem a Chapecoense

    ver detalhes
  • Marinho vem sendo pedido por torcedores do Corinthians para 2017

    Pedido pela torcida do Corinthians, Marinho admite deixar Vitória em 2017

    ver detalhes
  • Simi passou sete anos no Corinthians

    Simi reclama de saída do Corinthians e projeta 'final às avessas' da LNF no Parque São Jorge

    ver detalhes

Você concorda com Sanchez ou acha que o Corinthians está muito longe?

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes