Timão não deve quebrar o acordo e a liberação de Jadson está praticamente descartada

Timão não deve quebrar o acordo e a liberação de Jadson está praticamente descartada

Por Larissa Emanuelle

Jadson tem sido um dos destaques do Timão

Jadson tem sido um dos destaques do Timão

Foto: Daniel Augusto/ Agência Corinthians

Mano já trabalhava com a possibilidade de não contar com Jadson para o próximo jogo, agora esta tese deve ser realidade. O camisa dez alvinegro, por acordos contratuais, não poderá enfrentar o São Paulo neste domingo. A diretoria Corinthiana descarta qualquer tentativa para liberar o jogador, que até agora, está invicto com o time. Assim como ele, Pato também não deve enfrentar o Timão.

Essa afirmação foi feita pelo Ronaldo Ximenes, que prega o mantimento do acordo. Como Jadson e Pato ainda possuem vínculos com os seus clubes anteriores, isso impossibilitaria a presença dos dois no primeiro majestoso do Campeonato Brasileiro. Segundo Ronaldo, a Palavra do Timão será mantida.

"Quando fizemos essa transação, deixamos bem definida essa questão. Pedir para liberar o Jadson acarretaria na liberação do Pato. O Corinthians não permite que seus jogadores façam partida contra o clube. O Corinthians manterá o acordado". Afirmou.

Após a vitória diante da Chapecoense, Jadson esboçou vontade de atuar pelo Timão diante do seu ex clube e tinha esperanças para que acontecesse um acordo entre os rivais. Agora, praticamente descartado, a solução para a vaga deixada por ele pode ser Renato Augusto, que não atuou ainda com a camisa alvinegra neste Campeonato Brasileiro.

Sobre o substituto do maestro do Timão, Mano ainda não afirmou a volta de Renato ao time titular e prometeu não fazer grandes mudanças, prezando pelo entrosamento e a evolução da equipe. Este próximo jogo do Corinthians acontecerá no domingo, na Arena Barueri.

Veja Mais:

  • Alan Mineiro tem contrato com o Corinthians até o fim de 2018

    Após impasse, meia do Corinthians é anunciado como reforço do Fortaleza

    ver detalhes
  • Corinthians foi bicampeão mundial em 2012, diante do Chelsea, no Japão

    Grêmio cai, e Corinthians segue sendo último sul-americano campeão do Mundial da Fifa

    ver detalhes
  • Yago volta ao Corinthians na primeira semana de janeiro

    Após empréstimo, zagueiro é reintegrado ao Corinthians; Del'Amore no radar

    ver detalhes
  • Scarpa tem reunião marcada com empresários neste sábado

    Alvo do Corinthians, Scarpa agenda reunião com representantes para decidir futuro

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes