Rídiculo. STJD realmente denuncia o Corinthians por briga entre torcedores do Flamengo

Rídiculo. STJD realmente denuncia o Corinthians por briga entre torcedores do Flamengo

Por Meu Timão

Torcedores do Flamengo brigam nas arquibancadas do Pacaembu durante o jogo contra o Corinthians

Torcedores do Flamengo brigam nas arquibancadas do Pacaembu durante o jogo contra o Corinthians

Parece piada, mas é só o STJD. O Superior Tribunal de Justiça Desportiva avaliou as imagens da briga entre torcedores do Flamengo, contra o Corinthians no Pacaembu e denunciou os dois clubes.

O procurador geral do SJTD, Paulo Schimitt, maior responsável por rebaixar a Portuguesa a Série B e manter o Fluminense na série A disse que a pena para os dois clubes variam de R$ 100 a R$ 100 mil e que o Timão ainda pode perder o mando de um a dez jogos em casa.

Na ocasião da Briga, o Corinthians já havia vencido o Flamengo por 2x0 e a torcida do Corinthians já havia saído do estádio quando o confronto, somente entre torcedores do Flamengo começou.

Se realmente punido, o Timão pode perder jogos importantes na Arena Corinthians, sendo obrigado a jogar fora de São Paulo, mesmo não tendo relação alguma com o ocorrido.

Torcida do Flamengo brigandoTorcida do Flamengo brigando

Veja Mais:

  • Corinthians/Audax atropelou Cerro Porteño em solo paraguaio

    Mulherada do Corinthians/Audax goleia donas da casa e se classifica para final da Libertadores

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians que se prepare: reta final do Brasileirão promete altas emoções

    Fim da rodada: Corinthians mantém vantagem, mas rivais alcançam Grêmio e embolam classificação

    ver detalhes
  • Corinthians foi hexacampeão brasileiro em 2015

    CBF define valores de premiação do Brasileirão-2017; Corinthians leva bolada se for campeão

    ver detalhes
  • Maltos brilhou diante do Grêmio, na Arena do adversário

    Goleiro defende quatro pênaltis, Corinthians bate Grêmio e avança na Copa do Brasil Sub-17

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes