Muricy corneta Mano, que joga culpa de polêmica na imprensa

Muricy corneta Mano, que joga culpa de polêmica na imprensa

Por Meu Timão

Muricy Ramalho encerrou polêmica, mas cornetou Mano

Muricy Ramalho encerrou polêmica, mas cornetou Mano

Foto: Site Oficial SPFC - saopaulofc.net

Durante a semana, os jornalistas que cobrem o dia a dia de Corinthians e São Paulo alimentaram a ansiedade do torcedor em relação ao encontro dos técnicos Mano Menezes e Muricy Ramalho. Envolvidos em uma polêmica desde o Paulistão, quando Mano acusou o São Paulo de não enfrentar o Ituano com seriedade, os técnicos selaram a paz no Majestoso desse domingo:

- Quem fez a polêmica foram vocês, apenas dei minha opinião e o Muricy a dele. Num estado democrático, temos direito a isso. A demonstração que nos respeitamos é o cumprimento - disse Mano Menezes, minimizando o acontecido.

Já o técnico do São Paulo disse que a demonstração de paz é importante como exemplo, mas não deixou de cornetar o técnico corinthiano:

- Ele impõe a regra, né? Eu não posso perder para o Ituano, tenho que ir cumprimentá-lo, mas tudo bem. Vou cumprindo. Mas já passou, não tem essa de ficar com raiva, temos que dar exemplo. Isso é para gente pequena, e isso eu não sou - disse o técnico do São Paulo.

Veja Mais:

  • Noite vai ser de Arena Corinthians lotada para confronto decisivo

    Fiel garante quase 10 mil ingressos em um dia; Corinthians atualiza parcial contra o Grêmio

    ver detalhes
  • Corinthians venceu Grêmio por 1 a 0 no primeiro turno, em Porto Alegre

    Final de campeonato? Corinthians e Grêmio se enfrentam pela liderança do Brasileirão

    ver detalhes
  • Emprestado pelo Bordeaux, defensor tem futuro indefinido no Corinthians

    Sem definição com o Corinthians, agente de Pablo se reúne com Bordeaux por possível plano B

    ver detalhes
  • Em reedição da final de 2016, Corinthians e Sorocaba se enfrentam pelo título da LPF

    De virada, Corinthians/Unip vence Sorocaba e sai na frente na final da Liga Paulista

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes