Presidente do Timão defende a presença da torcida na Arena da Baixada

Presidente do Timão defende a presença da torcida na Arena da Baixada

Por Larissa Emanuelle

Gobbi descartou a participação do Corinthians no amistoso sem a torcida

Gobbi descartou a participação do Corinthians no amistoso sem a torcida

Depois de convidar o Corinthians para a inauguração do estádio que também será sede da Copa do Mundo, o Atlético-PR chegou a proibir camisetas e objetos que lembrassem o clube paulista no amistoso que acontecerá nesta quarta (14). Além disso, o clube declarou que não iria disponibilizar um local exclusivo para a torcida visitante. Desaprovando a decisão do time paranaense, os dirigentes do Timão exigiram uma mudança de postura, para só assim entrar em campo.

O presidente Mário Gobbi defendeu a presença da torcida Corinthiana e confirmou que, caso o Atlético não recuasse, o clube poderia não participar da inauguração do estádio. Até agora, ainda não foi confirmado se a torcida Corinthiana terá local exclusivo, mas poderá entrar no estádio com as cores do clube alvinegro.

"Nós fomos bastante claros que se torcedores do Corinthians não puderem entrar no estádio com a camisa do clube, não jogaríamos lá. Não podemos jogar amistoso onde a nossa torcida não pode entrar, isso seria uma afronta a quem nós mais prezamos, o patrimônio maior do Corinthians". Afirmou o presidente do Timão.

Quando questionado sobre um possível prejuízo do Corinthians com o amistoso, Gobbi fez questão de exaltar o convite para a inauguração e que, como convidado, o time deve comparecer ao evento. A preocupação seria com um possível desgaste da equipe, que irá atuar no próximo domingo, no jogo contra o Figueirense na Arena Corinthians.

"Nós achamos que deveríamos ir lá e fazer esse jogo. Vamos para lá cumprir isso, e é uma festa deles. O convite foi feito para nós e vamos lá para fazer a festa junto", disse o dirigente.

Existe a possibilidade dos titulares da equipe alvinegra não viajarem para este confronto contra o Atlético-PR. Após o clássico, o técnico Mano Menezes afirmou que ainda pensa em um primeiro tempo com os titulares e depois, um time mais alternativo, para servir como treinamento da equipe.

Veja Mais:

  • Corinthians imagina que receberá propostas por Yago e Balbuena

    Corinthians estuda vender zagueiro e intensifica busca por contratação defensiva

    ver detalhes
  • Michel (à esq.) e o sobrinho foram ao Maracanã naquele 23 de outubro

    Terceiro corinthiano solto no Rio desabafa: 'Fui pra ver o jogo, não pra brigar'

    ver detalhes
  • Sub-20 comemorando título do Corinthians/UNIP no futsal

    Sub-20 conquista título estadual e Corinthians fica perto de fim de ano perfeito no futsal

    ver detalhes
  • Torcedores na Arena poderão adicionar patch da Chapecoense em camisas

    Loja da Arena irá personalizar grátis camisas em homenagem à Chapecoense

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes