Mano faz coletivo de quase duas horas e testa variações com Guerrero

Mano faz coletivo de quase duas horas e testa variações com Guerrero

O período de treinamentos que o Corinthians teve durante a Copa do Mundo serviu para o técnico Mano Menezes conhecer ainda mais seus jogadores e sugerir variações táticas que podem ser utilizadas durante o Campeonato Brasileiro. Nesta segunda-feira, Mano deu uma demonstração do que deve fazer com seu time para adaptá-lo a diferentes situações de jogo.

Em um treino coletivo bem disputado no CT Joaquim Grava, o técnico teve quase duas horas para trabalhar três posicionamentos diferentes do centroavante Paolo Guerrero e melhorar o aproveitamento na bola parada. Foi uma manhã bem aproveitada às vésperas do confronto com o Internacional, quinta-feira, na Arena Corinthians.

No coletivo, Mano escalou a equipe dos últimos treinamentos, com Cássio, Fagner, Cleber, Gil e Fábio Santos; Ralf, Elias, Petros e Jadson; Luciano e Guerrero. Este último começou atuando pelo lado esquerdo, sem tanta responsabilidade de estar na área, tarefa que coube a Luciano – fez até um gol quando jogou nessa posição. Depois, o peruano virou centroavante e teve uma linha de três meias atrás dele: Petros, Jadson e Luciano. No fim, caiu pelo lado direito.

Os titulares venceram por 2 a 0 – além de Luciano, Petros marcou em chute de longe. Mano cobrou muita movimentação dos jogadores, que alteraram posições durante o treino. O técnico planeja implantar esse estilo de jogo desde que foi contratado, em janeiro. Agora, com tempo para treinar, tem conseguido impor variações sem mudar os jogadores.

Além da parte tática, Mano interrompeu o coletivo várias vezes para definir e corrigir posicionamentos na bola parada. Também ensaiou jogadas em cobranças de faltas pela lateral do campo. Satisfeito com o rendimento do trabalho, o técnico aplaudiu seus jogadores na saída do gramado. O Timão volta a treinar na tarde desta terça.

Fonte: Globo Esporte

Veja Mais:

  • Gaviões da Fiel foi a primeira das torcidas a chegar no Pacaembu neste domingo

    Organizadas chegam ao Pacaembu para ato em homenagem à Chapecoense

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes
  • Filha dá resposta sensacional ao pai palmeirense: 'Vai, Corinthians'

    Pai força garotinha a cantar música do Palmeiras, e ela surpreende com um 'Vai, Corinthians!'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes