Para colocar no DVD: Corinthians bate o Inter, é vice-líder, e tira 'zica' da Arena

Para colocar no DVD: Corinthians bate o Inter, é vice-líder, e tira 'zica' da Arena

Por Meu Timão

Corinthians bateu o Inter na Arena

Corinthians bateu o Inter na Arena

Foto: Meu Timão.com.br

O Corinthians, enfim, venceu em sua nova casa - e ganhou bem. Com grande atuação no primeiro tempo e com uma etapa complementar segura, o Timão venceu o Internacional por 2x1, gols de Guerrero e Fagner, e assumiu a vice-liderança do Brasileirão. Igualado em pontos com o São Paulo, a equipe de Mano Menezes supera o rival estadual no saldo de gols.

Começo avassalador

Os primeiros cinco minutos passaram com as equipes se estudando. De lado a lado, a busca por espaços era intensa, mas na mesma força estava a marcação. Era preciso um toque diferente, uma jogada ousada para desequilibrar o sistema defensivo adversário. Veio antes do que todos pensavam.

[[BANNER]]

Aos 7 minutos, após boa troca de passes, Jadson se posicionou bem pelo meio. Quase como uma tacada de bilhar, com precisão impressionante, serviu Paolo Guerrero no meio da área. O peruano, com tranquilidade, esperou a saída de Dida para definir. 1x0 no placar e a Fiel explodindo na Arena.

O Internacional sentiu o golpe, entrou em parafusos, teve seu momento "seleção". E assim como o Brasil na Copa, contra time bom não se vacila. Boa trama, bola de lado a lado, e no último passe Guerrero. Cruzamento no segundo pau e bola nos pés de Fágner. Batida forte e 2x0 para o Coringão em apenas nove minutos.

Os gaúchos se irritaram. D´Alessandro distribuía pancadas e tentava, sem sucesso, apitar o jogo. O adversário estava desequilibrado e o Timão procurou aproveitar. Ocupando espaços e mantendo a posse de bola, controlava a partida.

Os minutos passaram sem grande emoção. O Corinthians não conseguiu nenhum contra-ataque sequer e o Internacional mais bateu do que jogou. Antes do final da primeira etapa, com medo de expulsão, Abel Braga sacou João Afonso e promoveu a entrada de Claudio Winck. Os primeiros 45 minutos terminaram com a vantagem parcial.

Inter em busca do empate, Corinthians racional

O segundo tempo começou corrido, com o Internacional pressionando. O Corinthians buscava um jogo mais seguro, posicionado na defesa e à espera de um contra-ataque para fazer o terceiro gol e resolver a partida.

Os minutos iam passando e o público ficou um pouco apreensivo. Apesar de manter a diferença, o Timão via os gaúchos crescerem na partida e, cada vez mais, ameaçar sua meta. Entre defesas de Cásiso e lances de perigo, o Internacional incomodava a defesa alvinegra.

Mano Menezes buscou mexer na equipe. Sentindo a necessidade de melhorar a ligação lançou Romarinho no lugar de Luciano. A alteração não surtiu muito efeito e o Inter seguiu pressionando em busca do primeiro gol.

Mesmo não conseguindo os contra-ataques, o time se defendeu bem. Os 32.817 presentes, que renderam ao Corinthians R$ 2.556.385,50 presenciaram ainda Cássio fazer espetacular defesa aos 38 minutos. Com Bruno Henrique no lugar de Elias e do estreante Romero na vaga de Guerrero, o Timão segurou o resultado quase até o final. Já nos descontos, Claudio Winck diminuiu a vantagem.

O próximo desafio do Timão será no próximo domingo, contra o Vitória, às 16h, em Salvador. Para a partida, Mano Menezes já poderá contar com Anderson Martins. Lodeiro, que deve ser apresentado amanhã, ainda é presença incerta.

Veja Mais:

  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes
  • Maycon conta com o aval de Oswaldo de Oliveira para retorno

    Retorno de Maycon minimiza necessidade por contratação de volante no Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes