Placar da Arena Corinthians esconde escudo do Palmeiras, mas depois muda de ideia

Placar da Arena Corinthians esconde escudo do Palmeiras, mas depois muda de ideia

Placar da Arena Corinthians esconde escudo do Palmeiras, mas depois muda de ideia

Placar da Arena Corinthians esconde escudo do Palmeiras, mas depois muda de ideia

O placar eletrônico da Arena Corinthians, que transmite a partida que acontece no campo e anuncia escalações e substituições decidiu esconder o escudo do Palmeiras nos primeiros 30 minutos do clássico contra o Corinthians, na tarde deste domingo. Os anúncios esporádicos de quanto estava a partida durante o primeiro terço foram feitos apenas com o escudo do time da casa. Onde deveria estar o escudo do rival, mostrou-se a sigla SEP (Sociedade Esportiva Palmeiras).

Após 30 minutos de jogo, o escudo do Palmeiras finalmente apareceu na tela - que por vezes interrompe a transmissão. A sigla SEP, então, desapareceu. Ao apresentar as escalações da partida, não houve restrição às imagens do Palmeiras ou às cores do rival, encaradas da pior forma possível pela torcida do Corinthians. Os jogadores do Palmeiras foram anunciados em fotos, vestindo a camisa da equipe.

No meio desta semana, a polícia recomendou que os torcedores palmeirenses não fossem à Arena Corinthians com roupas ou bandeiras verdes ou com distintivos do Palmeiras, para evitar atritos com corintianos. E momentos antes do clássico, uma parcela considerável da torcida alviverde seguiu as ordens e chegou ao estádio com roupas com cores neutras.

Muitos destes torcedores, principalmente os que estavam a paisana ou em pequenos grupos, só trocaram de roupa e colocaram as vestimentas do Palmeiras após passarem o último tapume da polícia, em uma área isolada. Da saída do metrô até a Arena Corinthians eles vestiam casacos, camisas brancas e até pretas.

Como já era esperado, muitos outros acabaram não seguindo tais recomendações da polícia e foram usando verde, camisas do Palmeiras ou das torcidas organizadas do clube. Além disso, grandes grupos que chegavam à Arena Corinthians vestiram máscaras cirúrgicas descartáveis para provocar o rival.

Fonte: Terceiro Tempo

Veja Mais:

  • Lucca jogou emprestado à Ponte Preta em 2017

    Proposta curiosa do Cruzeiro pode colocar atacante do Corinthians no São Paulo; entenda

    ver detalhes
  • Rodriguinho está na mira dos chineses

    Chineses intensificam sondagens, e Rodriguinho pode deixar Corinthians no início de 2018

    ver detalhes
  • SAUDAÇÕES CORINTHIANAS #16 | 7 zagueiros para 2018

    VÍDEO: SAUDAÇÕES CORINTHIANAS #16 | 7 zagueiros para 2018

    ver detalhes
  • Oposicionista deve oficializar sua candidatura em breve

    Com diretores atuais como vice, Paulo Garcia se lança como candidato à presidência do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes