'Foi a melhor partida do Corinthians no campeonato', declara Mano Menezes

'Foi a melhor partida do Corinthians no campeonato', declara Mano Menezes

Por Meu Timão

Mano ficou satisfeito com a atuação da equipe

Mano ficou satisfeito com a atuação da equipe

Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

O treinador Mano Menezes, durante a coletiva pós-jogo não escondeu a satisfação com a vitória alvinegra. O comandante chegou a dizer que foi a melhor partida do Timão no ano:

- Tivemos que ousar mais hoje e, às vezes, compensa atacar da maneira que atacamos. Pela proposição do jogo, em atacar sempre, buscar o resultado e procurar a vitória, considero nossa melhor exibição no campeonato. Foi a melhor partida do Corinthians no Brasileirão - disse o técnico.

Além disso, Mano aproveitou para falar da arbitragem do jogo. O técnico Ricardo Dubrisky, do Goiás, havia reclamado do juiz falando sobre uma falta inexistente no terceiro gol do Corinthians:

- - A arbitragem se engana, como o gol do Bahia aqui semana passada. Penso que reclamar de um lance desse, em um jogo com o contexto desse, é procurar justificativa para algo que não tem justificativa. O Corinthians foi muito superior, concluiu mais de 20 vezes durante o jogo e com qualidade. A reclamação é infundada - finalizou.

Veja Mais:

  • Recuperado de lesão, Balbuena volta a compor zaga com Pablo; dupla terá de parar melhor ataque do Paulista

    Defesa x ataque: Corinthians e São Paulo buscam vitória e equilíbrio em clássico no Morumbi

    ver detalhes
  • Auricchio (à dir.) passou a integrar diretoria da base do Corinthians

    Corinthians nomeia ex-diretor de futebol para cargo na base

    ver detalhes
  • Após 1 a 1 na Arena, Timão volta a campo contra São Paulo na tarde deste domingo

    Rival tropeça, e Corinthians pode diminuir distância para primeira colocação geral

    ver detalhes
  • Carille não confirmou a equipe titular que enfrenta o São Paulo

    Rodriguinho não treina e Balbuena volta: veja provável escalação do Corinthians para o Majestoso

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes