Corinthianos querem mais 'frieza' para tentar a liderança do Campeonato Brasileiro

Corinthianos querem mais 'frieza' para tentar a liderança do Campeonato Brasileiro

Por Larissa Emanuelle

Petros acredita em uma "virada" do Timão na competição

Petros acredita em uma "virada" do Timão na competição

O empate contra o Criciúma parece não ter agradado também os jogadores do Timão. Considerado um resultado justo por alguns, o único ponto conquistado gerou um novo discurso no elenco alvinegro: mais frieza para vencer.

Apesar do esforço da equipe em alguns lances fora de casa, seis jogadores desfalcavam o time e o setor ofensivo foi o que mais sentiu. Sem Luciano, Guerrero e Romarinho, que foi vendido, Malcom e Romero tentavam marcar o primeiro gol de cada nesta competição. Não obtiveram êxito.

No fim da partida, Cássio e Petros falaram em resultados melhores e almejam um segundo turno melhor do que o primeiro, para tentar a liderança do campeonato.

- Temos empatado muito em casa também, perdido pontos, acabamos ficando atrás do líder. Tem jogo pela frente, precisamos buscar o máximo de pontos, principalmente em casa.

- Infelizmente, a gente teve duas ou três oportunidades e não conseguiu fazer o gol. Em jogos assim temos que ser frios e fazer os gols. Hoje não conseguimos, afirmou o goleiro.

O meia Petros acredita que o Timão pode reverter esta situação na competição e encostar no líder, se tiver mais dedicação para vencer.

- Vamos correr atrás neste segundo turno. No momento, o Cruzeiro está muito na frente, mas se tivermos uma boa sequência podemos, quem sabe, encostar neles. Vamos ver quem vai ser o campeão.

O Corinthians volta à campo na próxima quinta-feira, para enfrentar o Atlético Mineiro, ainda pelo Campeonato Brasileiro. O jogo acontecerá na Arena.

Veja Mais:

  • Arana pode se transferir para a Inter de Milão nos próximos dias

    Com oferta na mão, Corinthians espera retorno de presidente para definir venda de Arana

    ver detalhes
  • Corinthians optou por não utilizar redes sociais em respeito ao momento

    Corinthians suspende redes sociais em dia de velório coletivo da Chapecoense

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians se despediu da Arena no empate por 0 a 0 com o Atlético-PR

    Maior do país, público do Corinthians é duas vezes a média do Brasileirão 2016

    ver detalhes
  • Oswaldo defendeu utilização da cor verde em homenagem à Chapecoense

    Oswaldo comenta tragédia da Chapecoense e é mais um a defender cor verde no Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes