Leandro Bizzio Marinho inocenta Guerrero por trombada no jogo contra o Bragantino

Leandro Bizzio Marinho inocenta Guerrero por trombada no jogo contra o Bragantino

Por Larissa Emanuelle

Guerrero foi denunciado pelo STJD, mas "inocentado" pelo árbitro da partida

Guerrero foi denunciado pelo STJD, mas "inocentado" pelo árbitro da partida

Denunciado pelo STJD após um lance com o árbitro Leandro Bizzio Marinho, na partida contra o Bragantino, o centroavante Guerrero corre o risco de ser suspenso dos campeonatos, como teria sido Petros (que está atuando com um efeito suspensivo).

Apesar desta atitude do Superior Tribunal de Justiça Desportiva, o blog Bastidores FC, do site Globo Esporte, afirma que o juiz da partida inocentou o jogador do Timão e ficou surpreso com a possível punição contra o peruano. A posição do árbitro teria sido confirmada em uma conversa informal.

No momento, o camisa nove do Corinthians está sendo uma das ausências no elenco de Mano Menezes, já que está servindo a sua seleção. Recentemente, Guerrero foi julgado e absolvido pelo STJD após ser expulso contra o Grêmio, no Campeonato Brasileiro.

Mesmo que o árbitro Leandro Bizzio Marinho entenda que o centroavante não teve a intenção de derrubá-lo, o mesmo ainda será julgado nesta segunda-feira, pelo STJD. O departamento jurídico do Timão espera que nenhuma punição seja dada ao jogador.

Veja Mais:

  • Novo uniforme branco do Corinthians na temporada 2017/18

    Corinthians e Nike renovam parceria até 2029; clube recebe bolada de luvas

    ver detalhes
  • Parte da dívida é relativa a venda de Felipe ao Porto

    Corinthians tem cerca de R$ 10 milhões a receber de clubes brasileiros e europeus

    ver detalhes
  • Romarinho não esconde a relação de carinho que ainda mantém com o Corinthians

    Com veto a rival, Romarinho admite saudade do Brasil e fala em retorno 'em dois anos' ao Corinthians

    ver detalhes
  • Juninho Capixaba foi um dos destaques do Bahia na temporada.

    Corinthians rejeita ceder três jogadores pedidos pelo Bahia em negociação por lateral

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes