Assistente de Flamengo e Corinthians será avaliado pela comissão de arbitragem

Assistente de Flamengo e Corinthians será avaliado pela comissão de arbitragem

Por Meu Timão

Arbitragem do último jogo prejudicou o Timão

Arbitragem do último jogo prejudicou o Timão

Foto: Divulgação

Os bizarros erros cometidos na última partida do Corinthians no Campeonato Brasileiro, todos eles com a assinatura de Elan Vieira de Souza, serão estudados e devem levá-lo a uma reciclagem na Escola Nacional de Árbitros de Futebol (Enaf), que tem na sua diretoria a ex-assistente Ana Paula Oliveira.

O Presidente da Comissão Nacional de Arbitragem, Sérgio Correa falou que a decisão será tomada na segunda, após uma longa avaliação do que foi visto nos jogos do Brasileirão.

Elan não marcou dois impedimentos na mesma jogada que originou o gol da vitória do Flamengo.

- Qualquer jogada que gere dúvida na comissão de arbitragem é encaminhada para Enaf e lá fica determinado que será feito com o árbitro ou assistente. Que tipo de atitude será tomada, se vai assistir a vídeos ou ser acompanhado por um instrutor. Coisas corriqueiras - afirmou Sérgio Correa.

A Enaf apenas informa sua decisão para as pessoas responsáveis na Conaf. Elan deve ser realmente afastado para um período de reciclagem. O árbitro Sandro Meira Ricci não deve sofrer punições.

Veja Mais:

  • Apresentadora usou termo pejorativo para se referir ao Corinthians

    Corinthians é chamado por termo pejorativo em programa de televisão de Campinas

    ver detalhes
  • Elenco do Timão teve dia descontraído no CT Joaquim Grava

    Carille libera rachão, e Corinthians tem treino com show de descontração antes de final estadual

    ver detalhes
  • Tour da Arena Corinthians terá início na segunda semana de maio

    Corinthians anuncia início do tour da Arena; veja preços e como comprar ingressos

    ver detalhes
  • Corinthians de Carille vem se tornando conhecido pela postura defensiva

    Técnico do Corinthians cita até Atlético de Madrid para defender filosofia de trabalho

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes