Pra suportar tantas viagens, o Corinthians vai ter que treinar menos

Pra suportar tantas viagens, o Corinthians vai ter que treinar menos

Por Meu Timão

Mano Menezes vai ter motivos de sobra pra reclamar

Mano Menezes vai ter motivos de sobra pra reclamar

Foto: Agência Corinthians

Com tantos jogos fora de casa, o Corinthians passa cada vez mais dificuldades no calendário brasileiro. Com o Botafogo mandando o jogo na Arena da Amazônia, somando o jogo que o clube terá que fazer no interior já que perdeu o mando de campo por conta da briga das organizadas, o Timão simplesmente deixará de treinar pra seus jogadores terem tempo de se recuperarem.

Ao todo, o Timão ficará um mês sem jogar em casa, realizando seis partidas em todo o canto do país. E se o clube passar para a próxima fase da Copa do Brasil, entra mais um jogo no calendário, no dia 29 de outubro que será definido por sorteio o mando de campo.

O preparador físico do Corinthians, em entrevista ao Globo Esporte lamentou o calendário e reduziu a situação em apenas uma frase:

- Não dá tempo de treinar - disse Eduardo Silva.

Eduardo também condenou o desgaste dos jogadores para ir até Manaus enfrentar o Botafogo.

- São mais de cinco horas entre a saída do hotel, aeroporto voo e chegada a Manaus. Temos de cuidar para os jogadores não ficarem muito parados. Além disso, a gente perde o controle para a aclimatação, já que a diferença de temperatura e umidade entre as cidades é muito grande. O ideal era chegar lá com dois dias de antecedência - finalizou o preparador físico.

Vai ficar complicado...

Veja Mais:

  • Jogo do Corinthians contra o Grêmio será transmitido para 13 estados do Brasil

    TV Globo exibe Corinthians e Grêmio para 13 estados do Brasil; confira

    ver detalhes
  • Corinthians vem de boa vitória no Brasileirão

    Corinthians pode se isolar na liderança e aumentar distância do G6; veja a classificação

    ver detalhes
  • Corinthians entra em campo neste domingo contra o Grêmio

    Corinthians visita Grêmio neste domingo para se consolidar na briga pelo hepta do Brasileirão

    ver detalhes
  • Gramado da Arena Corinthians está mais suscetível a 'escorregões' por excesso de umidade

    Gramado da Arena Corinthians 'chegou no limite', diz presidente de empresa responsável

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes