Corinthians joga três pontos no lixo, perde para o lanterna e vê G-4 mais longe

Corinthians Corinthians 0 x 1 Botafogo Botafogo

Brasileirão 2014

Corinthians joga três pontos no lixo, perde para o lanterna e vê G-4 mais longe

Por Meu Timão

Corinthians foi mal e perdeu para o Botafogo em Manaus

Corinthians foi mal e perdeu para o Botafogo em Manaus

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

O Corinthians conseguiu mais uma proeza. Após enfrentar o líder do campeonato fora de casa, vencer e convencer, o Timão foi até Manaus e em campo neutro perdeu para o Botafogo, até então o lanterna do Brasileirão. Com a derrota, o time viu escapar a possibilidade de entrar no G-4 nessa rodada e dependendo dos resultados a situação ainda pode piorar. Dureza.

Começo eletrizante, intervalo decepcionante

O Corinthians começou a partida em ritmo alucinante. Em menos de dois minutos, Bruno Henrique arriscou de média distância e meteu uma paulada que carimbou o travessão botafoguense. A impressão é que a pressão seguiria e o time abriria logo vantagem.

Entretanto, o desfalque de Renato Augusto, a lentidão de Danilo e a inoperância de Romero que jogava ao lado de Luciano (Malcom ficou no banco) quebravam o ritmo de jogo do Timão que em nenhum momento propôs o jogo para valer.

Com isso, o Botafogo começou a gostar do jogo. Sem dificuldades, os cariocas chegavam, mas não concluíam por falta de qualidade. O lanterna do campeonato, então, contou com uma ajuda do lateral Fabio Santos que meteu a mão na bola. Pênalti que Wallyson converteu.

A partir da vantagem inicial, o Bota se fechou e o Corinthians ficou nervoso. No restante da primeira etapa, muita pancada e pouca qualidade. Mano teria muito trabalho no intervalo.

Corinthians é todo ataque no segundo tempo

Mano Menezes mudou a equipe no intervalo sacando Guilherme Andrade e promovendo a entrada de Malcom. Com isso, a equipe se lançou toda ao campo de ataque em busca do gol que traria a igualdade à partida. Sobrando vontade e faltando capacidade, os jogadores não arriscavam de média e longa distância e com muitos cruzamentos equivocados o Timão não ameaçava. Apenas Luciano, em conclusão de perna esquerda, conseguiu finalizar antes dos 15 minutos.

O tempo foi passando e a equipe não evoluía. O Corinthians estava preso na marcação botafoguens e sofria com o excesso de faltas. Por não parar com elas, Bolatti acabou advertido duas vezes com cartão amarelo em um espaço de dez minutos. Com um a mais e extremamente ofensivo (Jadson entrou no lugar de Fagner) restava ao Timão tentar o empate nos quinze minutos finais.

Aos 31, o goleiro Helton Leite falhou após cruzamento de Fábio Santos. No rebote, Malcom encheu o pé e o goleiro botafoguense fez grande defesa. A chance do empate escapou. Logo em seguida, Jadson arriscou de fora e a bola passou perto.

Com 39 minutos, Mano lançou Tocantins que fazia sua estreia como profissional. O garoto teve a chance do empate aos 41, mas o goleiro carioca mais uma vez fez a defesa.

O Botafogo teve a chance de matar a partida e fazer o segundo gol aos 43, mas Cássio fez grande intervenção. A partida foi corrida até o final, mas o Corinthians foi incompetente e não furou o bloqueio adversário. Antes do apito final, o goleiro ainda fez grande defesa em cabeçada de Tocantins. Até Cássio tentou ir para a área, mas não foi suficiente.

Com a derrota, o Timão estaciona nos 46 pontos e perde a chance de voltar ao G-4. Com a possibilidade de vitórias de Grêmio e Atlético-MG, a situação pode ficar ainda pior.

O Corinthians volta a jogar no Brasileirão no próximo domingo, contra o Internacional, em Porto Alegre. Antes disso, entretanto, o Timão vai até BH encarar o Atlético-MG no segundo jogo das quartas de final da Copa do Brasil. Na partida de ida, o Corinthians venceu por 2 a 0 e poderá até perder pela diferença de um gol que sairá do Mineirão classificado.

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a partida entre Corinthians e Botafogo

  • 1000 caracteres restantes