Cássio vê brasileiro longe e entende que os mata-matas da Copa do Brasil são perigosos

Cássio vê brasileiro longe e entende que os mata-matas da Copa do Brasil são perigosos

Por Meu Timão

980 visualizações 26 comentários Comunicar erro

Cássio falou da situação do Corinthians no Brasileirão

Cássio falou da situação do Corinthians no Brasileirão

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O Corinthians é, atualmente, o sexto colocado do Campeonato Brasileiro com 46 pontos e, no momento, "não sabe" onde buscar a vaga para a Libertadores de 2015. A maioria dos atletas alvinegros prefere não opinar entre um lugar no G4 e o título da Copa do Brasil, únicas chances de voltar à competição continental.

Para Cássio, no entanto, o torneio de mata-mata parece o caminho menos difícil para chegar ao objetivo.

- O mais próximo é a Copa do Brasil, mas é complicado porque, se você vai mal em um jogo, de repente não consegue reverter. O Campeonato Brasileiro você pode se manter na frente, se perde um jogo e ganha outros depois. É um risco apostar muito na Copa do Brasil. Pode ser que o time não vá bem em um dia e jogue tudo fora - argumentou Cássio.

A instabilidade não permitiu que o Corinthians permanecesse no G-4 do Brasileirão.Derrotas para times que brigam para sair da zona do rebaixamento acabaram atrapalhando a caminhada do alvinegro que precisa se recuperar para voltar a sonhar com o G-4.

Na Copa do Brasil, entretanto, o Timão está com a situação melhor. Com a vitória no jogo de ida, na Arena, contra o Atlético-MG, por 2 a 0, só um desastre acabaria com o sonho de passar a próxima fase.

- Temos de parar de oscilar no Brasileiro. Errar o menos possível e ter uma sequência de três ou quatro vitórias seguidas. Ainda temos chance de ganhar, há pontuação para isso - finalizou Cássio.

Veja Mais:

  • Corinthians de Ralf já respira mais tranquilo na luta contra a parte de baixo da classificação

    Jogos de domingo chegam ao fim, e Corinthians dobra distância para o Z4; veja classificação

    ver detalhes
  • Ándrés Sanchez aparece do lado do presidente do Real Madrid, Florentino Pérez, e Ronaldo

    Presidente do Corinthians se reúne com presidente do Real Madrid em passagem pela Espanha

    ver detalhes
  • Avelar teve atuação contestada pela torcida após jogo desse sábado contra o Vasco

    Avelar admite queda de rendimento, lista possíveis motivos e diz que pode melhorar no Corinthians

    ver detalhes
  • Árbitro Wilton Pereira Sampaio foi bastante requisitado no tenso duelo entre Corinthians e Vasco

    Árbitro relata em súmula tentativa vascaína de intimidação na Arena Corinthians; entenda

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes