Os 10 maiores fracassos do Corinthians na temporada 2014

Os 10 maiores fracassos do Corinthians na temporada 2014

Por Meu Timão

Sucessão de erros levou o Corinthians a uma temporada amarga

Sucessão de erros levou o Corinthians a uma temporada amarga

A temporada 2014 começou antes mesmo do início do ano - com Tite ainda no cargo, Gobbi já havia acordado com seu sucessor, Mano Menezes, o retorno ao Corinthians. As especulações dão conta que mesmo a "mal contada" saída do treinador do Flamengo, ainda em setembro já indicavam o acerto com Timão.

Mano veio para um projeto de reformulação do time campeão do Brasileiro, Libertadores e Mundial sob o comando de Tite, mas que vinha caindo de produção, demonstrando acomodação. Financeiramente, o Corinthians também não estava na melhor fase - o final das obras da Arena e outros problemas diminuíram o orçamento do clube.

Mano teve carta branca para fazer as mudanças, dispensando Emerson Sheik, por exemplo. Sairam nomes como Pato, Paulo André, Ibson e Douglas - Cleber, parceiro de Gil na zaga e Romarinho e Guilherme acabaram vendidos durante a temporada e também foram baixas. Mas desde sua chegada - durante quase 10 meses de trabalho - cobrou da diretoria a vinda de um novo atacante para trabalhar com Guerrero - que não veio.

O treinador, porém, sabia - que a exemplo do que ele havia feito em sua passagem anterior pelo Corinthians, trabalharia um time mais "modesto", sem a vinda de grandes estrelas. Mano auxiliou a diretoria que trouxe nomes como Bruno Henrique, Lodeiro, Anderson Martins, Ferrugem, Luciano, Petros, Romero e Fagner. Contou também com a chegada de Jadson e com o retorno de Elias (após o segundo semestre).

Mesmo assim, Mano, diretoria e jogadores amargaram provavelmente o pior ano desde a queda para a série B, em 2007. Relembre os 10 fracassos da temporada:

1. Derrota por 5x1 contra o Santos

Corinthians sofreu goleada no primeiro clássico do ano

O Corinthians amargou uma derrota de 5x1 na Vila Belmiro. Apesar dos erros da arbitragem no clássico, o placar elástico provou que os problemas da equipe - antes direcionados no ataque - também chegaram à defesa.

2. Eliminação precoce do Paulista

Corinthians foi eliminado ainda na primeira fase do Paulistão

O Corinthians deixou o Campeonato Paulista ainda na primeira fase, sem ter ganhado nenhum um clássico e perdendo para times como o São Bernardo, Ponte Preta e Bragantino. Na época, a "desculpa" oficial era o início do trabalho e a falta de entrosamento da equipe.

3. Estreia da Arena com derrota para o laterna

Com casa cheia, Corinthians inaugurou Arena com derrota

O primeiro jogo na Arena Corinthians foi marcado por mais um fracasso - o time perdeu em casa para o Figueirense. O que era pra ser um jogo histórico, com casa cheia, virou um mais uma vergonha para o torcedor corinthiano, que teve que esperar o fim da Copa para ver o time ganhar pela primeira vez em casa. Pra completar, o time adversário era, na época, o lanterna do Campeonato Brasileiro.

4. Intertemporada cancelada

Intertemporada no exterior virou jogo-treino contra São Bernardo

Bem próximo à Copa do Mundo, quando os times teriam uma parada no calendário, o Corinthians cancelou os planos de uma inter temporada no exterior. O projeto de uma excursão à China foi descartado e mesmo os amistosos no Brasil não aconteceram.

5. Titularidade indefinida

Jadson perdeu a titularidade e virou reserva do reserva

O time do Corinthians demonstrou irregularidade durante toda a competição. Parte do problema foram as idas e vindas de jogadores - reforços tardios, como Elias e Romero. Desfalques da seleção e jogadores negociados no meio da temporada - como foi o caso de Cléber e Romarinho. Alguns casos seguem inexplicáveis, como Jadson, que de titular absoluto virou reserva do reserva e não mais atuou.

6. Reclamações contra arbitragem

Reclamações de Mano Menezes foram criticadas pela diretoria

As reclamações de Mano Menezes contra a arbitragem foram tão severas que em determinado momento, a diretoria intercedeu. O treinador tomou uma bronca pública da diretoria que proibiu jogadores e comissão técnica a fazer críticas contra os árbitros e se "focar no jogo".

7. Robin Hood fora do G4

Fora do G4, torcedores protestaram no CT do Corinthians

O Corinthians chegou a ser cotado como um dos favoritos ao título do Brasileiro em 2014. Mas os altos e baixos da equipe, levaram o time a acabar saindo do G4. A distância para o líder Cruzeiro após tropeços em times pequenos fizeram o clube desistir do título e se focar na vaga para Libertadores - que pode não vir.

8. Queimando a base

Jogadores da base tiveram profissionalização antecipada

Por falta de opções no time profissional, o Corinthians acabou antecipando a estreia de jogadores da base. A medida, embora valorize o time de juniores do clube, acaba expondo os atletas cedo demais à pressão da torcida e aos olhos do mercado que se atentam para o potencial dos talentos.

9. Indefinição para 2015 e eleições tardias

Presidente optou por não renovar com Mano, e deixou o abacaxi para o sucessor

A omissão da diretoria quanto ao futuro do treinador virou mais um problema do time. O presidente Mário Gobbi optou por não renovar com Mano Menezes - deixando a cargo de seu sucessor a decisão. As eleições no Corinthians só acontecem em fevereiro, e deixam o planejamento 2015 acontecer quando a temporada já estiver iniciada. O ideal seria que o contrato do técnico Mano Menezes fosse até fevereiro, e não até dezembro, quando o treinador deixa o clube nas mãos do interino Sylvinho.

10. Eliminação e goleada na Copa do Brasil

Temporada culminou com goleada e eliminação da Copa do Brasil

Parte dos 9 fracassos anteriores da listas conduziram o Corinthians até aqui: em um desfecho inacreditável o Corinthians deu adeus à única chance de título no ano. Sem as desculpas que marcaram as falhas no início da temporada, o time comandado por Mano provou que após 10 meses de trabalho o Timão ainda precisa de muitas mudanças para atender as expectativas da torcida.

Veja Mais:

  • Filha dá resposta sensacional ao pai palmeirense: 'Vai, Corinthians'

    Pai força garotinha a cantar música do Palmeiras, e ela surpreende com um 'Vai, Corinthians!'

    ver detalhes
  • Gaviões da Fiel se unirá as outras torcidas organizadas paulitas neste domingo

    Organizadas rivais de São Paulo se unem em evento no Pacaembu em homenagem à Chape

    ver detalhes
  • Arana pode se transferir para a Inter de Milão nos próximos dias

    Com oferta na mão, Corinthians espera retorno de presidente para definir venda de Arana

    ver detalhes
  • Corinthians optou por não utilizar redes sociais em respeito ao momento

    Corinthians suspende redes sociais em dia de velório coletivo da Chapecoense

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes